Home > Notícias

Pesquisa diz que 50 milhões de usuários nos EUA lêem notícias online

Dados do instituo PEW comparam crescimento de 25% no consumo de notícias na web com a alta penetração doméstica de banda larga

24/03/2006 às 15h05

Foto:

A internet serviu como meio de notícias para cerca de 50 milhões de internautas adultos nos Estados Unidos durante 2005, de acordo com a pesquisa "Online News", do instituto Pew Internet & American Life Project.

A cifra representa um aumento de 25% no consumo de notícias online comparado com 2002, de acordo com o PEW. O relatório entrevistou 3.011 adultos norte-americanos e traça uma relação entre a lenta transição dos jornais e TVs para a internet com o aumento da penetração da web por banda larga doméstica no país.

De acordo com o relatório, o número de usuários norte-americanos de banda larga pulou de 20 milhões para cerca de 74 milhões nos últimos quatro anos - o equivalente a 52% da população norte-americana com acesso à internet.

A consulta de noticiário online por usuários de banda larga, citado por 43% deles, já passou os jornais locais e nacionais entre os principais veículos de consulta, contra apenas 38% e 17%, respectivamente. Entre usuários de banda larga, dial-up e não usuários, a web fica apenas na quinta posição, atrás de TVs locais, TVs nacionais, rádios e jornais locais.

Por outro lado, já há um grupo de usuários com conexão banda larga, classificado pelo PEW como de "alto poder", que consideram a internet fonte primária de notícias. De acordo com o estudo, 71% deles admitiram acessar noticiário online três vezes ao dia, enquanto "apenas" 59% e 53%, na ordem, buscam notícias em canais de TV locais e estações de rádio.

Ainda que ilustre uma mudança vigente nas mídias de notícias, a pesquisa também aponta que os principais canais onde usuários vão buscar informações online continuam nos sites de grandes redes de TV. Cerca de 46% dos usuários que acessam notícias online declaram visitar com freqüência sites da CNN ou da MSNBC.

No Brasil, o Ibope//NetRating afirmou que existem 13,2 milhões de usuários domésticos de internet. Mesmo com um número não tão grande, o país é o líder no tempo de navegação, com média de 17 horas e 33 minutos por mês, seguido por França e Japão.

Tags

Junte-se a nós e receba nossas melhores histórias de tecnologia. Newsletter por e-mail Newsletter por e-mail