Home > Notícias

Serviço oferece navegação offline

Aplicativo da Webaroo filtra e baixa conteúdo online em "pacotes", que são guardados no PC do usuário para acesso sem conexão

Por Nancy Gohring, para o IDG Now!*

10/04/2006 às 17h07

Foto:

Uma empresa de Seattle introduziu um novo serviço na segunda-feira que permite que as pessoas com laptops ou handhelds naveguem por conteúdo da web enquanto estão offline.

O software para o novo serviço, criado pela Webaroo, é gratuito para download e uso. A Acer planeja integrar o software em alguns de seus notebooks, uma porta-voz da empresa confirmou, mesmo sem ser mais específica.

Clientes precisam de um pouco de esforço para usar o serviço. Enquanto conectado à internet, eles precisam primeiro baixar o aplicativo do site da Webaroo e navegar pelos "pacotes de web" oferecidos juntos, que são pastas de páginas online e outras informações agregadas por assunto.

Os clientes então baixam os pacotes que querem e podem também fazer o download de conteúdo de outros sites que não os listados internamente. Por isso, o material pode ser buscado e reproduzido quando o usuário está offilne.

A Webaroo afirma que o segredo é oferecer uma tecnologia que rastreia a internet a analisa páginas para escolher o melhor conteúdo para "empacotar" pelo software. O aplicativo tenta selecionar páginas que contem muitas informações para que atinja o maior número possível de usuários. Assuntos para os "pacotes" incluem notícias, esportes e cidades como Londres e Nova York. Cada pacote contém "milhares" de páginas em casa, disse a Webaroo.

Cada vez que o usuário se reconecta à internet, o software automaticamente atualiza o conteúdo escolhido, deletando informações antigos para criar mais espaço. O aplicativo baixa o conteúdo em pequenos pedados aos poucos para que o processo não corroa a banda do usuário.

Usuários precisam de um laptop rodando Windows 200 com Service Pack 4 ou Windows XP com SP2 com, ao menos, 1 GB de espaço em disco disponível. O serviço também funciona com PDAs rodando Windows Pocket PC 2003 Second Edition, mas graças à limitação de armazenamento dos aparelhos, precisará de um cartão de memória extra para guardar um único pacote online. O serviço será compatível em pouco tempo com o Windows Mobile 5.0, revelou a Webaroo.

Enquanto o serviço é gratuito, conexões para acessar e atualizar o conteúdo serão pagas.

Baixar conteúdo para seu acesso offine não é exatamente novo, mas uma ferramenta que seleciona o material disponível online não é corriqueiro. Alguns desenvolvedores oferecem softwares de acesso remoto que permite que usuários acessem dados corporativos quando não têm conexão.

Não só isso, muitos navegadores, assim como serviços móveis, como o Google Local, colocam um grande "cache" em páginas baixadas recentemente, para apressar as visitas subseqüentes.

*Nancy Gohring é editora do IDG News Service, em Dublin.

Tags

Junte-se a nós e receba nossas melhores histórias de tecnologia. Newsletter por e-mail Newsletter por e-mail