Home > Notícias

Motorola bate recorde de vendas, mas lucro não cresce no 1º tri

Companhia nunca vendeu tantos equipamentos como no primeiro trimestre de 2006, mas o preço baixo refletiu no lucro

Por Dan Nystedt, para o Computerworld*

19/04/2006 às 11h28

Foto:

Companhia nunca vendeu tantos equipamentos como no primeiro trimestre de 2006, mas o preço baixo refletiu no lucro

A Motorola divulgou recorde de vendas de telefones celulares e equipamentos de set-top boxes nos primeiro trimestre do ano. Segundo a companhia, a sua participação no mercado global saltou para 21% no período, 4,8% superior ao índice do mesmo período de 2005.

Em todo o mundo, a Motorola vendeu 46,1 milhões de equipamentos entre janeiro e março deste ano, crescimento acima de 50% se comparado aos resultados do mesmo período do ano passado. O número supera ainda as vendas do último trimestre de 2005, que alcançaram a marca de 44,7 milhões de celulares. A venda de set-top boxes chegaram a 2 milhões de unidades.

No primeiro trimestre de 2006, a Motorola reportou receita de 10,1 bilhões de dólares, crescimento de 23% sobre o mesmo período de 2005. O lucro líquido, no entanto, registrou uma pequena queda, somando 686 milhões de dólares, contra 692 milhões de dólares do mesmo intervalo do ano anterior.

A queda no lucro trouxe preocupações para a empresa, que, como se nota, está vendendo seus produtos a preços mais baixos. Ontem, os papéis da companhia registraram queda de 4,9% no after-market, cotados em 22,90 dólares.

Segundo a companhia, a previsão para este segundo trimestre é de que as receitas da empresa batam um novo recorde, entre 10,3 milhões e 10,5 milhões de dólares, com ganhos por ação entre 0,30 centavos e 0,32 centavos de dólar.

*Dan Nystedt é editor do IDG News Service, em Taipei.

Tags

Junte-se a nós e receba nossas melhores histórias de tecnologia. Newsletter por e-mail Newsletter por e-mail