Home > Notícias

Sem filas e sem fraudes

Rede sem fio veloz para agilizar atendimento e biometria para garantir a segurança são as armas da Unimed Marília

27/04/2006 às 16h14

Foto:

Rede sem fio veloz para agilizar atendimento e biometria para garantir a segurança são as armas da Unimed Marília

Conectividade sem fio em alta velocidade, eficiente e constante – e a um baixo custo. Esses eram os objetivos da Unimed Marília quando decidiu interligar sua rede de consultórios médicos, prestadores de serviços, farmácias e hospitais credenciados. “Precisávamos agilizar o atendimento. Às vezes, o paciente perdia horas em filas à espera dos exames, que eram retirados na própria Unimed. Agora, médicos acessam os resultados via internet de seus próprios consultórios”, conta Edson Pereira da Silva, gerente de TI da Unimed Marília. “E a Unimed tem o controle em tempo real dos consultórios, gerenciando com rapidez todos os procedimentos médicos”, diz.

A Unimed Marília conta atualmente com aproximadamente 70 mil associados, 80% dos quais residentes em Marília, cidade do interior de São Paulo. Os associados são atendidos por mais de  400 médicos em 12 hospitais, sete laboratórios, dois centros de radiologia e 18 clínicas de  fisioterapia, além de centros de ultra-sonografia e prontos-socorros para adultos e crianças.

No total, são cerca de 250 pontos de atendimento em quatro cidades. Desses 250 pontos, 230 já foram interligados em uma rede IP (Internet Protocol) com o uso de sistemas de rádio Canopy, da Motorola, na freqüência de 5,8 GHz, com taxas de transmissão de até 2 Mbps pela intranet e 256 Kbps pela internet.

A solução está sendo implantada em parceria com a Cernet, que forneceu os equipamentos wireless, e a Abase (Aliança Brasileira de Assistência Social e Educacional), desenvolvedora de projetos de telecomunicações. “Além de redução de custos, a intenção é colocar tecnologia de ponta à disposição de nossa rede de atendimento para oferecer facilidade e segurança aos nossos usuários”, explica Silva.

O projeto de automação da rede de atendimento, iniciado em janeiro de 2005, já consumiu investimentos em torno de 2 milhões de reais, incluindo os equipamentos de rádio Canopy e 600 computadores HP com processador Celeron e software de gerenciamento. O total investido incluiu também sistemas de biometria para a certificação dos usuários. O objetivo é reduzir as fraudes por uso indevido das carteiras dos associados.

Junte-se a nós e receba nossas melhores histórias de tecnologia. Newsletter por e-mail Newsletter por e-mail