Home > Notícias

EMC atualiza linha Clariion com três novos sistemas de storage

Nova arquitetura UltraScale dobra capacidade em relação à geração anterior de dispositivos e traz facilidade de uso

Por Shelley Solheim, para o IDG Now!*

08/05/2006 às 13h00

Foto:

Nova arquitetura UltraScale dobra capacidade em relação à geração anterior de dispositivos e traz facilidade de uso

A EMC revela nesta segunda-feira (08/05) um novo design para seus dispositivos de storage de médio porte Clariion, com o objetivo de oferecer às médias empresas mais desempenho e flexibilidade.

Com o Clariion UltraScale, a companhia acrescenta suporte fim-a-fim à tecnologia Fibre Channel de 4 Gbps (Gigabits per second), permitindo consolidar múltiplas camadas de armazenamento em um array – conjunto de dispositivos de armazenamento – e misturar drives de disco com interface de fibra ótica de 2 Gbps e 4 Gbps e capacidades variáveis.

A arquitetura UltraScale também inclui a tecnologia Virtual LUN (logical unit number), da EMC, que permite movimentar dados entre as diversas unidades do array.

A EMC está oferecendo três sistemas baseados na arquitetura. O primeiro deles é o Clariion CX3-20, que pode ser escalado para até 59 Tbytes e é voltado a empresas de menor porte ou àquelas que querem fazer o suporte remoto para replicação e produtividade do grupo de trabalho.

Já o CX3-40, que pode ser escalado para até 119 Tbytes, e é voltado a mensagens e cargas de trabalho transacionais. Por fim, o CX3-80, que pode ser escalado para até 239 Tbytes de capacidade, suporta até 480 drives e é voltado a esforços maiores de consolidação.

Os novos sistemas têm o dobro da capacidade dos modelos que vão substituir - Clariion CX300, CX500 e CX700, lançados pela EMC em 2004.

Além disso, os novos drives CX3 são compatíveis com os softwares antigos de gerenciamento e replicação de dados da EMC e podem ser configurados para implementações de dispositivos acoplados, SAN e iSCSI.

Com a nova arquitetura, a empresa também aumenta a facilidade de uso, introduzindo uma ferramenta tutorial chamada Disk Replacement Utility, que ajuda o usuário no processo de substituição de discos, suprimentos de energia e sistemas de refrigeração.

Os preços para o CX3-20, CX3-40 e CX3-80 começam, respectivamente, em 27 mil dólares, 52 mil dólares e 101 mil dólares, para configuração com 365 GB. Os novos sistemas já estão disponíveis comercialmente, inclusive no Brasil.

*Shelley Solheim é editora do IDG News Service, em Nova York.

Tags

Junte-se a nós e receba nossas melhores histórias de tecnologia. Newsletter por e-mail Newsletter por e-mail