Home > Notícias

Pacote de segurança da Apple não corrige falhas, alega pesquisador

Tom Ferris afirma que Apple ignorou brechas consideradas "críticas" no sistema Mac OS X em seu patch divulgado na última sexta

Paul F. Roberts, para o IDG Now!

15/05/2006 às 11h08

Foto:

Tom Ferris afirma que Apple ignorou brechas consideradas "críticas" no sistema Mac OS X em seu patch divulgado na última sexta

O pacote de atualização divulgado pela Apple para 25 brechas falha ao tentar consertar algumas delas, alega o pesquisador de segurança Tom Ferris, que descobriu algumas das vulnerabilidades no mês de abril.

Na última sexta-feira, a Apple divulgou um pacote de segurança para corrigir 25 vulnerabilidades reportadas no sistema Mac OS X que envolve aplicações da empresa, como Mail, Preview, Finder e Safari, e de outras empresas, como o MySQL e o Flash Player.

A Apple informou que 16 das brechas permitiriam a execução remota de códigos maliciosos.

Ferris informou que ainda existem buracos nas aplicações Safari, Quicktime e iTunes, que foram reportadas à Apple mas não foram corrigidas na última atualização. O pesquisador não publicou detalhes sobre as brechas quando foram descobertas, mas classificou as falhas como "críticas" que permitiriam a execução remota de códigos.

O pesquisador afirmou que considera divulgar os detalhes sobre os buracos não corrigidos na última sexta-feira em sua página, incluindo brechas na maneira como o Mac OS X lida com arquivos no formato TIFF e no BOMArchiver, aplicação usada para comprimir arquivos.

Os pacotes de correção, divulgados dois dias após o boletim mensal de segurança da Microsoft, ilustram a mudança de clima na segurança de sistemas Mac, que representam uma pequena fração na população de computadores, mas estão experimentando um aumento em suas falhas.

Comparado com o da Apple, o pacote de segurança da Microsoft relativo a maio foi considerado pequeno. A gigante de softwares publicou três boletins em seu boletim - dois foram classificados como "críticas" e corrigiram cinco vulnerabilidades.

Experts de segurança vêm alertando cada vez mais para a segurança dos produtos Apple nos últimos meses, na medida em que falhas no sistema operacional Mac OS X e no navegador Safari, vírus e ataques online que têm como alvo a plataforma Mac aumentam.

Oficialmente, a Apple minimiza os buracos de segurança em seus produtos e novos ataques para o OS X, que, mesmo com o aumento, ainda não raros comparados aos do sistema Windows. Mas alguns informantes de mercado sugerem que a companhia deveria contratar um gerente de segurança para coordenar a resposta da empresa no setor.

*Paul F. Roberts é editor do InfoWorld, em São Francisco.

Tags

Junte-se a nós e receba nossas melhores histórias de tecnologia. Newsletter por e-mail Newsletter por e-mail