Home > Dicas

Instalou e deu problema?

Como recuperar sistemas de instalações de software malsucedidas e evitar futuras dores de cabeça

Lincoln Spector - PCW/EUA

16/05/2006 às 12h41

Foto:

Como recuperar sistemas de instalações de software malsucedidas e evitar futuras dores de cabeça
 
Seu computador já ficou instável e lento depois que você instalou um novo programa? Aí, você tentou reverter a situação com a desinstalação do programa problemático e não resolveu o problema? Essa situação é bastante comum. Muitos utilitários de instalação de software alteram de forma significativa configurações importantes do Windows, aumentando a probabilidade de problemas. Os programas de desinstalação quase nunca corrigem isso. Mas os procedimentos a seguir devem proteger novas instalações.

numero 1 azulEscolha cuidadosamente – Antes de instalar qualquer aplicativo, leia análises, converse com amigos que conheçam o produto e pesquise comentários em grupos da Usenet (groups.google.com). Depois, pergunte a si mesmo se os benefícios do programa superam os riscos potenciais. 

Apenas instale um novo aplicativo ou um importante upgrade depois que ele estiver disponível há alguns meses. Isso dá tempo ao fornecedor de eliminar a maioria dos bugs significativos. 

Não presuma que um programa é seguro apenas porque é de um fornecedor conhecido. Instalações danosas são comuns em produtos da Microsoft e da Symantec, por exemplo. 

numero 2 azulPrepare-se – Faça um backup das configurações do Windows de antemão. O recurso de Restauração do Sistema do XP cria um ponto de restauração antes de iniciar cada instalação, mas, para segurança extra, clique em Iniciar/Todos os Programas/Acessórios/Ferramentas do Sistema/Restauração do Sistema/Criar um Ponto de Restauração/Avançar e siga as instruções. 

O estrago maior da instalação acontece no Registro. Um bom programa de backup de Registro de terceiros como o Emergency Recovery Utility NT (conhecido como ERUNT, clique aqui para baixar http://www.larshederer.homepage.t-online.de/erunt) ajuda você a se proteger. O programa é simples, eficiente e gratuito.

numero 3 azulAvalie o estrago – Após a instalação, verifique a presença de novos ícones na bandeja do sistema. O programa provavelmente acrescentou algo desnecessário – e potencialmente prejudicial – à lista crescente de aplicativos que carregam automaticamente quando o Windows é iniciado.

 Não instale nenhum outro programa durante alguns dias (algumas semanas é ainda melhor), dando tempo para que problemas causados pelo novo programa apareçam.

numero 4 azulSe necessário, bata em retirada - Caso o programa não satisfaça os requisitos, experimente removê-lo com sua própria opção de desinstalação (encontrada, com freqüência, sob sua listagem no menu Iniciar/Todos os Programas). Se o programa não tiver uma opção de desinstalação, selecione Iniciar/Painel de Controle/Adicionar ou Remover Programas no Windows XP (Iniciar/Configurações/Painel de Controle/Adicionar/Remover Programas em outras versões do Windows), escolha o aplicativo indesejável na lista que aparecerá e clique em Remover para ativar o desinstalador do programa. Contrariando um mito, Adicionar/Remover Programas e o atalho do menu Iniciar são apenas dois pontos de entrada diferentes para carregar o desinstalador do próprio aplicativo.  

Se o applet Adicionar ou Remover Programas do Windows não eliminar o software indesejável, ative a Restauração do Sistema e restaure o Windows ao ponto que você criou antes de instalar o programa. Se isso não funcionar, use as opções de desinstalação do utilitário ERUNT descrito acima.  

Um alerta: Restaurar o Registro tendo por base um antigo backup pode fazer você perder algumas configurações e desabilitar programas que tenha instalado depois da criação desse backup. É mais uma razão para esperar um intervalo decente entre instalações do programa. 

Tags

Junte-se a nós e receba nossas melhores histórias de tecnologia. Newsletter por e-mail Newsletter por e-mail