Home > Notícias

AMD deverá manter 20% do mercado de chips para servidores

Vice-presidente corporativo afirma que crescimento no segmento corporativo deve se refletir também no mercado doméstico, até 2007

Por Martyn Williams, para o IDG Now!*

24/05/2006 às 17h22

Foto:

Vice-presidente corporativo afirma que crescimento no segmento corporativo deve se refletir também no mercado doméstico, até 2007

A AMD começou o ano bem e está no caminho para alcançar seu objetivo global de deter 20% do mercado de servidores até o começo de 2007, disse Marty Seyer, vice-presidente corporativo e chefe da unidade de desempenho de computação e negócios comerciais da empresa.

A companhia quer ter um quinto do segmento e, pelo menos, 15% da área comercial de dispositivos corporativos em 2006, revelou Seyer, em uma conferência em Tóquio. A AMD persegue a rival Intel no mercado de processadores.

"A estratégia tem nos servido muito bem", disse ele. "Alcançamos mais que 20% de participação no mercado de servidores ao final do primeiro trimestre, o que pode significar aumento também no tradicional segmento de usuário final".

Seyer revelou ainda acreditar que a AMD liderará a indústria com o desempenho energético do seu chip de quatro núcleos até 2007 e se tornar o fornecedor principal de novos clientes em 2009.

O executivo estava em Tóquio para o lançamento do novo soquete AM2, da AMD, que permite que memória do padrão DDR2 seja usada com processadores para desktops Athlon. A companhia anunciou dois novos processadores: o 2,8 GHz Athlon 64 FX-62 e 2,6 GHz Athlon 64 X2 5000+.

Testes iniciais da PC World indicam que os processadores mostraram desempenho pouco melhor que seus modelos anteriores, mas tem potencial para ganhos mais notáveis no futuro.

Tags

Junte-se a nós e receba nossas melhores histórias de tecnologia. Newsletter por e-mail Newsletter por e-mail