Home > Notícias

Em breve: VoIP via celular

Telefones móveis incorporam interface para acesso a redes Wi-Fi e WiMax

Luis Fernando Tinoco

18/07/2006 às 11h31

Foto:

Telefones móveis incorporam interface para acesso a redes Wi-Fi e WiMax

As aplicações do VoIP não param de se multiplicar e pressionam governos e órgãos regulatórios por novas decisões para serem implementadas. Diversos países já estão testando aparelhos celulares com conexão Wi-Fi ou WiMax capazes de trafegar voz via IP. As operadoras não têm um quadro claro da chegada da tecnologia ao Brasil, pois ela depende de regulamentação, mas a promessa é de forte impacto.

“É uma tendência clara e forte, mas tem muitas questões de regulamentação para serem vistas. É uma tecnologia muito forte, vai ter crescimento junto com o WiMax”, prevê Lauro Monteiro, gerente nacional de vendas do mercado corporativo da TIM. Juntando os pontos, tendo um celular capaz de acessar VoIP e um PABX IP na empresa, isso significa que o celular poderia funcionar 100% do tempo como um ramal do escritório, independentemente de sua localização. E sem custo extra.

Telefones com interface de rede wireless já existem e há até mesmo uma versão mobile do Skype, que pode ser utilizada em smartphones ou handhelds. Assim, o PDA pode ser usado para ligações via Skype em um hotspot ou na rede wireless doméstica ou corporativa.

Em maio, a Brasil Telecom mostrou um serviço que pretende lançar no segundo semestre. Trata-se de um celular GSM com interface Wi-Fi. A promessa da operadora é vender o aparelho para clientes de sua internet banda larga BrTurbo e de seu serviço de VoIP. Assim, quando o usuário estiver com o celular em sua rede wireless, poderá acessar a linha VoIP sem custo. O primeiro modelo deve ser o GF200, da UTStarcom.

Para o celular com VoIP evoluir e atingir mobilidade total, no entanto, será necessária a difusão do WiMax ou a entrada da tecnologia pela rede normal de telefonia celular, o que depende de regulamentação e alterações nas estruturas das operadoras. Será necessário aguardar mais um pouco.

Junte-se a nós e receba nossas melhores histórias de tecnologia. Newsletter por e-mail Newsletter por e-mail