Home > Notícias

Ataques a dados pessoais crescem 50% no 1º semestre, diz Panda

Empresa vê crescimento amparado por novas técnicas de phishing detectadas no período, como uso de sites originais e armadilhas por voz

Por Redação do IDG Now!

11/08/2006 às 15h03

Foto:

Empresa vê crescimento amparado por novas técnicas de phishing detectadas no período, como uso de sites originais e armadilhas por voz

O número de ataques digitais que tinham como objetivo roubar dados pessoais e financeiros do usuário sofreu aumento de 50% durante o primeiro semestre de 2006, segundo dados divulgados pela empresa de segurança Panda.

No estudo divulgado nesta semana, a companhia responsabiliza a procura por lucro financeiro de hackers que organizam ataques como principal responsável pelo acréscimo, amparado ainda na grande variedade de novas armadilhas detectadas no período.

Além das habituais mensagens de phishing, que instalam softwares espiões ou levam o usuário para sites de serviços bancários forjados, a empresa alerta para a detecção de novos sistemas que tentam enganar o usuário, como o "vishing" e o uso de sites originais, pela técnica conhecida como "cross site scripting".

No começo de julho, a empresa de segurança Secure Advice alertou para a ação de phishings em softwares de VoIP que se apresentavam como atendentes de banco e pediam que o usuário fornecesse dados por um número telefônico especialmente cadastrado por hackers.

Tags

Junte-se a nós e receba nossas melhores histórias de tecnologia. Newsletter por e-mail Newsletter por e-mail