Home > Notícias

Problemas com baterias da Sony vão além do recall realizado pela Dell

Baterias foram vendidas a outros fornecedores, cujos nomes a Sony não vai revelar por conta de contratos de confidencialidade

Por Martyn Williams, para o IDG Now!*

16/08/2006 às 10h51

Foto:

Baterias foram vendidas a outros fornecedores, cujos nomes a Sony não vai revelar por conta de contratos de confidencialidade

As baterias com defeito fabricadas pela Sony que levaram a Dell a anunciar na terça-feira (15/08) o recall de 4,1 milhões de notebooks podem estar presentes em outros notebooks e eletrônicos.

As baterias em questão, que sofrem de uma falha que pode levar ao superaquecimento, com risco de incêndio, foram vendidas entre janeiro de 2004 e fevereiro de 2006 a outros fornecedores de equipamentos, cujos nomes a Sony não vai revelar por conta de contratos de confidencialidade.

Mas a companhia admite que algumas destas baterias estão sendo utilizadas nos seus próprios equipamentos da linha Vaio, embora não tenha convocado o recall. Segundo porta-voz da Sony, o risco de superaquecimento, ligado ao uso de componentes metálicos dentro da bateria, depende da configuração do equipamento.

Em geral, um curto circuito dentro da bateria somente a inutiliza, mas em alguns casos pode levar a incêndios, como em casos reportados à Dell.

Fatores como o fato de a bateria estar em posição paralela ou perpendicular e proximidade a fontes de calor - como o processador ou a fonte de energia - podem fazer diferença nesta equação.

A Sony afirmou que vai dividir os custos do recall com a Dell, mas não quis comentar o impacto desta operação nos seus resultados anuais, prometendo revelar tais dados quando for apropriado.

Clientes da Dell podem consultar os modelos afetados e saber mais sobre como proceder para efetuar a troca no site da Dell, em português. A subsidiária brasileira conformou que o problema afeta o País, mas não revelou quantos foram os equipamentos comprometidos.

*Martyn Williams é editor do IDG News Service, em Tóquio.

Tags

Junte-se a nós e receba nossas melhores histórias de tecnologia. Newsletter por e-mail Newsletter por e-mail