Home > Notícias

Greenpeace cria ranking de eletrônicos verdes, liderado por Nokia e Dell

Apesar de estarem na ponta, empresas não são inteiramente “verdes”. Lenovo é a pior na lista de 14 fornecedores

Por Redação do IDG Now!

28/08/2006 às 13h51

Foto:

Apesar de estarem na ponta, empresas não são inteiramente “verdes”. Lenovo é a pior na lista de 14 fornecedores

O Greenpeace lançou na última sexta-feira o “Guia para eletrônicos mais verdes”, que avalia companhias pelo uso de elementos químicos e pela reciclagem de eletrônicos. O objetivo é estimular a produção de eletrônicos que podem ser reciclados com segurança. Atualmente, o ranking lista os 14 principais fornecedores de celulares e PCs - todos falhos em obter o selo verde.

A Nokia e a Dell lideram juntas o ranking, por acreditarem que como fabricantes são responsáveis por recolher e reciclar os produtos da marca descartados. A Nokia é líder na eliminação de tóxicos químicos de seus produtos - desde o final de 2005 seus celulares são livres de plástico PVC e a partir de 2007 todos os seus componentes serão livres de BFR (Brominated Flame Retardant).

Em seguida aparecem a HP, a Sony Ericsson, a Samsung, a Sony, a LG Electronics, a Panasonic, a Toshiba, a Fujitsu Siemens Computers, a Apple, a Acer, a Motorola e a Lenovo.

O ranking será atualizado a todo trimestre, dando a oportunidade às empresas de subir de posição, conforme implementarem políticas mais amigáveis ao meio ambiente. Por enquanto, as empresas são avaliadas conforme as políticas declaradas no seu site, mas se for descoberto que estão mentindo perderão pontos no ranking.

O uso de substâncias tóxicas pesa mais na avaliação da companhia que as práticas de reciclagem, pois até que os componentes perigosos sejam eliminados não é possível fazer uma reciclagem segura.

Tags

Junte-se a nós e receba nossas melhores histórias de tecnologia. Newsletter por e-mail Newsletter por e-mail