Home > Notícias

Companhias investem mais em segurança após ataques de 11/9

Pesquisa da Forrester aponta que investimentos em segurança deverão atingir 11,2 bilhões de dólares no EUA e Europa

Por Robert Mullins, para o Computerworld*

11/09/2006 às 14h17

Foto:

Pesquisa da Forrester aponta que investimentos em segurança deverão atingir 11,2 bilhões de dólares no EUA e Europa

Se por um lado os investimentos do governo norte-americano em tecnologias de proteção a TI ainda continuam restritos após os atentados terroristas de 2001, por outro, as companhias já dão sinais de que a preocupação com segurança de seus sistemas está crescendo.

Segundo uma pesquisa da Forrester Research, os investimentos corporativos em projetos de segurança deverão atingir 11,2 bilhões de dólares até 2008 nos Estados Unidos e Europa, frente a apenas 1,1 bilhão de dólares em 2005.

Além desses números, Roy Bordes, vice-presidente regional da Sociedade Americana de Segurança Industrial (ASIS), aponta o crescimento do interesse das companhias na conferência anual que a organização realiza. Segundo o executivo, desde os ataques de 2001 mais de 20 mil pessoas participaram do evento, em sua maioria tomadores de decisão a procura de novas aplicações capazes de proteger seus ativos físicos e virtuais.

Nessa empreitada por mais segurança, um dos destinos mais freqüentes para investimentos tem sido a tecnologia de reconhecimento via impressão digital, que pode ser utilizada para reconhecer funcionários desde a entrada do escritório até no momento de conexão com os sistemas.

Segundo os especialistas, no âmbito governamental, cinco anos depois dos ataques os EUA ainda mostram fragilidade em tecnologia. Cibersegurança, comunicações e tecnologias de proteção a aeronaves estão entre os assuntos que não atingiram o grau máximo de desenvolvimento.

Nesta segunda-feira (11/09), cerimônias são realizadas em Nova York em memória às vítimas dos atentados, que mataram cerca de 2970 pessoas.

Robert Mullins é editor do IDG News Service, em São Francisco.

Tags

Junte-se a nós e receba nossas melhores histórias de tecnologia. Newsletter por e-mail Newsletter por e-mail