Samsung lança chip de 40 nanômetros que armazena até 64 GB

Chip de 32 Gigabits para cartões de memória pode gravar até 64 Gigabytes de dados, ou 40 filmes

https://pcworld.com.br/idgnoticia2006-09-127945242721/
Clique para copiar

Chip de 32 Gigabits para cartões de memória pode gravar até 64 Gigabytes de dados, ou 40 filmes

A Samsung anunciou seu primeiro chip de 40 nanômetros, com 32 Gigabits de memória NAND flash, que pode ser usado em cartões de memória, possibilitando o armazenamento de até 64 Gigabytes, equivalente a 40 filmes.

O último passo dado na fabricação de chips cada vez menores traz a Samsung à frente da produção, ultrapassando a Intel, que anunciou chips construídos com 45 nanômetros (um nanômetro equivale a um milionésimo de milímetro).

Os chips ainda possuem a sétima geração de memórias NAND flash, como prometido pela empresa que dobraria a capacidade deste tipo de memória a cada ano.

Os avanços são essenciais para os consumidores da indústria eletrônica. Usuários procuram cada vez mais dispositivos menores e com mais funções, como celulares com câmera e música. A demanda de mais capacidade de armazenamento para fotos, vídeos e outros arquivos cresceu rapidamente nos últimos anos e analistas esperam que a tendência continue.

A técnica de produção de chips de 40 nanômetros é a chave para a construção de dispositivos menores, mais eficazes e mais baratos. Normalmente, quanto mais transistores existirem e quanto mais perto eles estiverem, melhor é o desempenho do chip.

A empresa ainda revelou uma nova técnica de design, a Charge Trap Flas (CFT), que permite diminuir as características de um chip NAND a 20 nanômetros, com 256 Gigabytes.

A Samsung lançou ainda um novo chip para drives híbridos, uma espécie de HD para laptops que utilizam a tecnologia NAND flash, com o objetivo de aumentar a memória e reduzir o consumo de energia.

O novo chip suporta 4 Gigabytes de armazenamento de dados e aumenta a velocidade enquanto prolonga a duração da bateria.

Os chips serão comercializados em novembro. Além da Samsung, empresas como Intel e Seagate Technology também investem em drives híbridos para laptops.

*Dan Nystedt é editor do IDG News Service, em Taipei.

Este anúncio desaparecerá em:

Ir para o site