Home > Notícias

Yahoo chinês é processado por violações de direitos autorais

Site de música local acusa portal de integrar links para músicas protegidas por direitos autorais na lista de resultados do buscador

Por Steven Schwankert, para o IDG Now!*

15/09/2006 às 10h39

Foto:

Site de música local acusa portal de integrar links para músicas protegidas por direitos autorais na lista de resultados do buscador

Um site de música chinês está processando a unidade na China do Yahoo por alegadamente violar seus direitos autorais, reportou a mídia local nesta sexta-feira (15/09).

A Entertainment Base, localizada na província de Zhejiang, que afirma ser o maior site para música da China, processou o Yahoo China na Segundo Corte Intermediária Popular de Pequim pelos direitos de 13 canções, e está buscando reparações de 314 mil dólares em danos, segundo o Dongfang Morning News.

O chief executive officer da Entertainment Base Wu Duanping afirmou que sua companhia gastou um mês juntando links para provar que o Yahoo China oferecia cópias ilegais das músicas em questão. O executivo ainda afirmou que, por mais simples que fosse para o sistema de buscas bloquear links ilegais para música sem licença, o Yahoo China não fez nada.

"De acordo com nossa política de propriedade intelectual, assim que recebermos a notificação da infração da companhia removeremos os links do nosso índex de busca. Já retiramos todos os links pedidos pela Entertainment Base e enviamos uma notificação de volta para avisá-los", disse o porta-voz do Alibaba.com, que opera o Yahoo na China, por e-mail.

Representantes da Entertainment Base não foram encontrados para comentar a história.

*Steven Schwankert é editor do IDG News Service, em Pequim.

Tags

Junte-se a nós e receba nossas melhores histórias de tecnologia. Newsletter por e-mail Newsletter por e-mail