Home > Dicas

Quase um fotógrafo profissional

Comparamos cinco câmeras digitais com recursos avançados que oferecem grande variedade de controles manuais. Com elas, é possível fazer fotos com efeitos variados

Eric Butterfield, da PC World - EUA

10/10/2006 às 16h03

Foto:

Comparamos cinco câmeras digitais com recursos avançados que oferecem grande variedade de controles manuais. Com elas, é possível fazer fotos com efeitos variados

fotoprofissional100x120Há muitas razões hoje em dia para se comprar uma câmera fotográfica mais sofisticada ao invés de uma máquina simples ou uma câmera reflex (SLR, do inglês Single Lens Reflex). Os atributos avançados oferecem um maior controle manual do que a maioria das câmeras regulares e alguns modelos ainda custam menos. Neste teste comparativo, PC World avaliou tanto câmeras disponíveis no mercado brasileiro, quanto equipamentos apenas encontrados no exterior.

Confira aqui a tabela comparativa das câmeras da Fujifilm, as duas da Olympus, Samsung e Canon

Quando comparada às SLRs digitais, uma câmera avançada e cara oferece as mesmas possibilidades de controles manuais – a não ser pelo fato de usar lentes específicas.

O primeiro lugar da nossa avaliação ficou com a Fujifilm FinePix S5200, que provou ser possível conseguir fotos de alta qualidade com uma resolução de 5 megapixels e pontuou bem nos testes de cor e exposição — além de ser a câmera mais barata da avaliação.

Com a mesma pontuação em exposição que a S5200, a Olympus SP-350, de 8 megapixels, ocupou o segundo lugar na avaliação e possui o melhor desempenho. Este modelo também é compacto e não possui os sobressalentes cilindros de lentes dos outros modelos. Infelizmente, seu design deixa pouco espaço livre para botões de controle. Por isso, ajustar as configurações e mudar o modo de cenário quase sempre requer acessar o menu da tela. Da mesma marca, a SP-500 Ultra Zoom, de 6 megapixels, apresentou boa qualidade de imagem e duração de bateria, porém não possui estabilizador de imagem.

Por outro lado, a Pro815 da Samsung é tudo, menos compacta, e chega a ser muito pesada e exagerada em todos os aspectos. A Pro815 possui um zoom de 15 vezes, um LCD de 3,5 polegadas na parte de trás e um conjunto de configurações para fotógrafos mais experientes. Assim como uma SLR, a Pro815 exibe ajustes em um segundo LCD na parte superior, além de diversos botões de controle para ajustes rápidos, que dispensam a consulta à tela de menu. A única coisa que ela não possui é estabilizador de imagem, o que pode ser necessário caso queira tirar uma foto com o poderoso zoom e pouca luz. (O maior ajuste para sensibilidade de luz da Pro815 é ISO 400).

Em quinto lugar, a Canon PowerShot S3 IS também possui diversos atributos. Contém um zoom de 12 vezes, estabilizador ótico de imagem (por isso o “IS” no nome, de Image Stabilization) e uma série de botões de controle que permitem mudar os ajustes rapidamente. E é o único modelo entre os cinco citados capaz de fazer rotação, girando o LCD para tirar fotos de ângulos incomuns – como de você mesmo. A S3 IS permite ainda eliminar pausas indesejáveis no momento de filmar.

Contudo, a vida da bateria não é das mais longas: depois de 331 fotografias e utilizando quatro baterias híbridas AA de níquel, ela ficou descarregada. Em contrapartida, a Fujifilm FinePix S5200 conseguiu tirar 500 fotografias com o mesmo conjunto de baterias.

Clique aqui para visualizar o comparativo

Tags

Junte-se a nós e receba nossas melhores histórias de tecnologia. Newsletter por e-mail Newsletter por e-mail