Home > Notícias

CelPlay lança celular com identificação por foto para crianças

Previsto para chegar às lojas no final do mês, aparelho é programado pelos pais e traz jogos e câmera fotográfica

Por Daniela Moreira, repórter do IDG Now!

11/10/2006 às 14h41

Foto:

Previsto para chegar às lojas no final do mês, aparelho é programado pelos pais e traz jogos e câmera fotográfica

A CelPlay, empresa que desenvolve produtos e serviços de comunicação, lança na no final de outubro um celular de brinquedo voltado ao público infantil brasileiro, o Celplay Criança. O aparelho traz recursos como jogos, animal virtual, celular e câmera fotográfica e é voltado a crianças com quatro a sete anos de idade.

Na função de celular, o aparelho pode ser programado pelos pais para chamar para até 24 números, cada qual associado a uma foto de identificação. O aparelho não traz teclas de números, impedindo assim que as crianças liguem para pessoas fora da lista pré-programada pelos pais.

Além disso, os aparelhos também permitem apenas receber chamadas dos números aprovados. Os pais podem ainda programar quantas ligações as crianças podem fazaer para cada número por dia. Para evitar o contato direto com o ouvido, o telefone funciona exclusivamente no modo viva-voz.

Os celulares são compatíveis com a tecnologia GSM e já vêm com um chip (SIM Card) que pode ser habilitado com linha de qualquer operadora que preste serviços no padrão, em qualquer local do País. O produto será vendido em lojas de brinquedos e telefonia celular e custará 800 reais, no modelo pré-pago (o preço do pós-pago ainda não foi definido). A expectativa da empresa é comercializar 20 mil aparelhos até o final do ano.

“O aparelho foi desenvolvido com base no que as crianças queriam. Além disso, tivemos preocupação de que ele fosse seguro, tivesse embasamento pedagógico e fosse divertido”, conta Sérgio Pommerening, presidente da CelPlay.

Cada aparelho traz como tema um personagem da fauna brasileira, ameaçado de extinção. Serão lançados, na primeira linha, seis modelos: Mico-Leão-Dourado (Rabudo), Ararinha-Azul (Zuzinha), Onça-Pintada (Fucinho), Lobo-Guará (Lobuco), Tartaruga-da-Amazônia (Kaki) e Boto Cor-de-rosa (Pororoca).

Além de fazer e receber chamadas, o telefone traz um jogo educativo (os pais poderão baixar outros pelo portal da CelPlay), e conta com câmera fotográfica, permitindo armazenar até 24 fotos. O aparelho vem acompanhado de um cabo USB para transmissão de dados entre um computador pessoal e o brinquedo. O Celplay Criança é também um bichinho virtual, cuja rotina pode ser ajustada à da criança, com horários para comer, higiene, beber, dormir, estudar e brincar com os amiguinhos, por exemplo.

O aparelho, em todas as suas operações - incluindo jogos e chamadas -, é programável por um adulto a partir de qualquer computador com acesso à internet. “Eles podem determinar os horários em que a criança pode brincar ou fazer ligações a partir de uma interface simples. Inclusive, vamos colocar no site um vídeo explicativo sobre como fazer a programação”, conta Pommerening.

Graças a recursos de criptografia do aparelho, em caso de perda ou roubo, não é possível descobrir seu número. Por meio de um comando remoto, enviado via SMS a partir do celular dos próprios pais, todo o software do aparelho é apagado.

O aparelho foi certificado pela Anatel e foi testado e aprovado em todas as normas técnicas de resistência e toxicidade do Inmetro (Instituto de Metrologia), segundo a CelPlay. A Fundação Certi, da Universidade Federal de Santa Catarina, supervisionou o desenvolvimento dos games e do bichinho virtual.

A partir do final de outubro, a CelPlay também colocará no ar um portal com mais informações sobre os produtos, jogos gratuitos, seções para pais, crianças e educadores e uma TV online que reunirá vídeos gratuitos com histórias para as crianças.

Tags

Junte-se a nós e receba nossas melhores histórias de tecnologia. Newsletter por e-mail Newsletter por e-mail