Home > Notícias

Gateway entra no recall de baterias Sony e substitui 35 mil unidades

Empresa é a nona à se unir ao grupo, que já convocou a troca de mais de 8 milhões de baterias, desde agosto deste ano

Por Martyn Williams, para o IDG Now!*

24/10/2006 às 12h01

Foto:

Empresa é a nona à se unir ao grupo, que já convocou a troca de mais de 8 milhões de baterias, desde agosto deste ano

Mais um fabricante entra para o grupo de recall de baterias para notebooks da Sony com defeito, que já passam de 8 milhões de unidades. A Gateway é a nona empresa a integrar o grupo e anunciou na segunda-feira (23/10) que vai substituir 35 mil baterias de clientes.

O programa de troca se estende às baterias vendidas a partir de setembro de 2005, com os modelos de notebooks CX200, CX210, E100M, M250, M255, M280, M285, M465, M685, MP8708, NX260, NX510, NX560, NX860, NX100, MX1025, MX6918b e MX1020j – grande parte vendida pela loja virtual da fabricante.

A onda de recalls começou em 14 de agosto com o anúncio da Dell, que teve o maior número de equipamentos afetados – 4,1 milhões de unidades -, seguida pela Apple, em 24 de agosto, com 1,8 milhão de unidades comprometidas.

As células de bateria contêm partículas de metal que, sob certas circunstâncias, podem causar curto circuito e levar a bateria a pegar fogo. Cerca de 9,6 milhões de baterias fabricadas pela Sony apresentam o defeito e até o momento 8 milhões já foram incluídas no recall dos fabricantes.

O recall custará à Sony cerca de 427 milhões de dólares. Por conta dos problemas com as baterias, a empresa reduziu sua previsão anual de lucro em 38%.
A lista dos fabricantes que convocaram a troca inclui ainda Toshiba, IBM, Lenovo, Hitachi, Fujitsu e a própria Sony, com os notebooks da linha Vaio.

*Martyn Williams é editor do IDG News Service, em Tóquio.

Tags

Junte-se a nós e receba nossas melhores histórias de tecnologia. Newsletter por e-mail Newsletter por e-mail