Home > Notícias

Google anuncia novas ferramentas de segurança para o Orkut

Novidades incluem equipe maior de rastreamento, linha direta com governo brasileiro e campanha de conscientização

Por Guilherme Felitti, repórter do IDG Now!

26/10/2006 às 10h58

Foto:

Novidades incluem equipe maior de rastreamento, linha direta com governo brasileiro e campanha de conscientização

O Google anunciou nesta quarta-feira (25/10) novas funções que pretendem aumentar a segurança na sua rede social, o Orkut.

Entre as novidades destacam-se múltiplos moderadores para as comunidades, bloqueio automático de links e documentos suspeitos, maior equipe de revisão de conteúdo, além de um canal direto de denúncias com o governo brasileiro.

Luiz Barroso, engenheiro-sênior brasileiro que trabalha na sede californiana do Google Inc., afirmou que a inclusão das novas funções facilitará não apenas a revisão de conteúdo considerado ofensivo, como a comunicação do buscador com autoridades brasileiras.

Segundo Barroso, o trabalho conjunto entre a equipe de revisores que entendem e falam português, "aumentado em 14 vezes pelo grande crescimento de conteúdo na rede", e as novas funções de segurança permitirão que o Google "seja 10 vezes mais rápido no reconhecimento e retirada de conteúdo malicioso do site".

Além da moderação conjunta de uma mesma comunidade até 10 usuários, o Orkut terá ainda melhoria nas ferramentas de reconhecimento de imagens, links e arquivos suspeitos, aliado a "campanhas para conscientização e celebração da ação do Orkut na comunidade online", afirma o executivo.

Fora a campanha de conscientização, chamada de "Mantenha o Orkut bonito", Barroso despista quanto à estréia de todas as novas funções.

A falta de pontualidade também marca o novo canal de comunicação estabelecido entre o Google Inc. e as autoridades brasileiras para, segundo o engenheiro, "facilitar o cumprimento das ordens do governo nacional".

Tanto os órgãos federais envolvidos na iniciativa como a comunicação com o buscador não foram revelados pelo Google Inc.

A rede social terá sua central de segurança reativada, além de promover campanhas que usarão material dos usuários para "celebrar" os efeitos positivos da comunidade online.

O Google enfrentou nos últimos meses problemas com a Justiça brasileira por conta dos crimes praticados por usuários do Orkut.

O Ministério Público Federal moveu em agosto uma ação contra a companhia, alegando que a sua subsidiária brasileira falhava em colaborar com as solicitações de quebra de sigilo dos perfis e comunidades criminosas na rede social.

"Não vejo esta ação como uma guerra, mas como uma seqüência de mal entendidos entre ambas as partes. O entrave legal faz parte da evolução natural do Orkut no Brasil", revela Barroso, sem relacionar diretamente a pressão do Ministério Público Federal sobre o Google Inc. com as novas funções.

A Ação Civíl Pública pedia uma multa diária de 50 mil reais por ordem descumprida, além de indenização de 130 milhões de reais e o encerramento das operações do Google no Brasil.

O Google recorreu da ação em segunda instância e o caso aguarda decisão do Tribunal Regional Federal.

Tags

Junte-se a nós e receba nossas melhores histórias de tecnologia. Newsletter por e-mail Newsletter por e-mail