Home > Notícias

Hacker britânico é preso por envio de cavalo-de-tróia

Ele infectou computadores de garotas no Reino Unido e Canadá com cavalos-de-tróia e depois pressionou as vítimas a enviar fotos nuas

Por Jeremy Kirk, para o IDG Now!

10/11/2006 às 15h01

Foto:

Ele infectou computadores de garotas no Reino Unido e Canadá com cavalos-de-tróia e depois pressionou as vítimas a enviar fotos nuas

Um hacker que usou um cavalo-de-tróia para assumir o controle de computadores de adolescentes no Reino Unido e no Canadá foi sentenciado a 10 anos de prisão nesta quinta-feira (09/11).

Adrian Ringland, de 36 anos, admitiu que enviou cavalos-de-tróia por meio do programa de mensagem instantânea da Microsoft para garotas que conhecia em salas de chats com idade entre 13 e 16 anos.

Ele conseguia, remotamente, acessar dados dos discos rígidos dos computadores infectados com a praga, desligar o monitor e passou a pressionar suas vítimas para enviar fotos nuas.

Após obter as fotos, ele ameaçava as garotas, dizendo que enviaria as imagens para amigos e familiares, ao menos que novas fotos fossem enviadas.

A investigação incluiu a Royal Canadian Mounted Police, o FBI, a Microsoft e Serious Organized Crime Agency, do Reino Unido.

*Jeremy Kirk é editor do IDG News Service, em Londres.

Tags

Junte-se a nós e receba nossas melhores histórias de tecnologia. Newsletter por e-mail Newsletter por e-mail