Home > Notícias

Pronto para o Vista

O que levar em conta na hora de comprar ou fazer o upgrade no computador, para que a máquina não fique obsoleta rapidamente

Por Kirk Steers, PC World (EUA)

23/11/2006 às 11h37

Foto:

O que levar em conta na hora de comprar ou fazer o upgrade no computador, para que a máquina não fique obsoleta rapidamente

Especial Windows VistaOs computadores estão em transição. Tecnologias como barramento PCI Express e todos os conectores de vídeos digitais, entre outras, estão superando suas antecessoras. Além disso, a Microsoft está prestes a lançar o Windows Vista, nova versão de seu sistema operacional, que promete exigir muito da máquina. Por isso, caso esteja pensando em comprar um computador nos próximos meses, fique atento ao que está por vir.

Um dos pontos mais polêmicos em relação à atualização para o Vista é a falta de suporte a hardware e equipamentos legados. Dessa forma, é importante verificar se os fabricantes de impressoras e outros periféricos planejam oferecer drivers compatíveis com este sistema antes de migrar. Caso contrário, você terá que abandonar o seu equipamento.

Vista AdvisorPara facilitar a ação, a Microsoft criou o Windows Vista Upgrade Advisor, programa gratuito que analisa o hardware e conecta os periféricos para identificar possíveis conflitos de drivers e hardware, assim como qualquer outro problema de compatibilidade. Se você estiver disposto a comprar imediatamente um computador já preparado para o Vista, prefira uma máquina pronta para a versão Premium, que oferece um pacote mais completo de funcionalidades, em vez de adquirir um equipamento que suporte apenas o Vista Home Basic. E, independentemente da versão, fuja de PCs com menos de 1 GB de memória RAM.

Confira as dicas a seguir para que seu hardware – atual e futuro – dure muitos anos.

Espaço para inserir mais memórias – Reserve slots para futuros upgrades de memória. Seu novo PC deve ter pelo menos uma entrada livre para ampliar a RAM. Portanto, verifique com o fornecedor as opções de portas de expansibilidade para sistemas com configuração de memória dual channel (canal duplo), que proporcionam melhor desempenho. E o ideal é sempre consultar o manual da placa- mãe antes de comprar memória, já que alguns sistemas exigem que os módulos de RAM sejam instalados em pares.

Escolha Serial ATA – Tenha certeza de que seu novo computador possui ao menos dois conectores Serial ATA (Sata). Alguns equipamentos mais acessíveis oferecem apenas interfaces Parallel ATA, e outros vêm com uma única porta para Sata. Para atualizações de placa-mãe ou algum outro componente de hardware interno, também prefira aqueles que utilizem drive Sata, que é mais fácil de instalar, possui cabos mais finos para ajudar o ar a circular dentro da CPU e pode ser transferido para outros PCs. Se o seu sistema atual não possui um conector Sata, é possível utilizar um conversor como o Serial ATA to IDE, da Addonic (que custa cerca de 90 reais), para ligar um drive Sata na sua porta IDE. E sempre escolha o disco rígido com a maior capacidade que puder arcar. O Vista requer escandalosos 15 GB.

Seja digital – Alguns fãs de videogames ainda preferem a reação rápida e clara das visualizações analógicas dos monitores de CRT (tubo). Porém, com a queda de preços das telas de cristal líquido, a melhor opção é um LCD equipado com todas as conexões digitais através de portas DVI. Quando for comprar um modelo novo, certifique-se de que ele possui esse tipo de conexão. Se necessário, use adaptador VGA-DVI, que custa entre 30 e 60 reais.

Junte-se a nós e receba nossas melhores histórias de tecnologia. Newsletter por e-mail Newsletter por e-mail