Home > Notícias

Órgãos reguladores autuam fabricantes de telas de cristal líquido

Agências do Japão, Coréia do Sul, UE e EUA ivestigam possível comportamento anticompetitivo por fornecedores de LCD

Por Mike Bucken, para o Computerworld*

18/12/2006 às 15h32

Foto:

Agências do Japão, Coréia do Sul, UE e EUA ivestigam possível comportamento anticompetitivo por fornecedores de LCD

Cinco fabricantes de produtos de LCD revelaram estar sendo investigados. A LG Philips LCD, baseada em Seul, foi a primeira a revelar a notícia, ao confirmar que foi intimada em 8 de dezembro por órgãos reguladores nos Estados Unidos, Coréia do Sul e Japão.

A Samsung Electronics, também em Seul, fez anúncio similar. Ao mesmo tempo, a Sharp, do Japão, e a AU Optronics, de Taiwan, confirmaram que foram contatadas pela Comissão de Fair Trade do Japão e pelo Departamento de Justiça dos Estados Unidos.

Além dessas, a Chi Mei Optoelectronics, de Taiwan, confirmou que a sua subsidiária norte-americana foi contatada pelo DOJ. A Comissão da União Européia afirmou que iniciou investigações similares.

De acordo com a Samsung, as averiguações se concentram na possível formação de truste para definição de preço do transistor thin-film de LCD, que é usado em produtos como monitores de PCs, telas de laptop, telefones celulares e tocadores de música digital.

*Mike Bucken é editor da Computerworld, em Framingham.

Tags

Junte-se a nós e receba nossas melhores histórias de tecnologia. Newsletter por e-mail Newsletter por e-mail