Home > Notícias

Exército investe em software para segurança no Pan 2007

Centro Tecnológico do Exército brasileiro aposta em solução da Chemtech para análise de risco na área de sua responsabilidade

Por Redação da Computerworld

20/12/2006 às 11h41

Foto:

Centro Tecnológico do Exército brasileiro aposta em solução da Chemtech para análise de risco na área de sua responsabilidade

O Brasil não está investindo só em estádios para os jogos Pan-americanos de 2007.
 
Engenheiros do Centro Tecnológico do Exército brasileiro (CTEx) estão desenvolvendo para os especialmente para o maior evento esportivo da América Latina um plano de análise de riscos na área sob responsabilidade do Exército que será utilizada nas competições.

Para isso, estão utilizando o software de simulação fluidodinâmica computacional Phoenics, ferramenta usada e comercializada pela Chemtech, que oferece também treinamento e consultoria.

O projeto tem por objetivo montar um plano de segurança em caso de possíveis atentados com agentes químicos. Com a ajuda da computação fluidodinâmica, segundo o Exército, é possível identificar os melhores locais para colocação de sensores de detecção de vazamento de gases agressivos e também para instalação adequada de saídas de emergência.

Em eventos com grande público envolvido essas simulações são essenciais para a elaboração de um bom plano de segurança.

Tags

Junte-se a nós e receba nossas melhores histórias de tecnologia. Newsletter por e-mail Newsletter por e-mail