Home > Notícias

Sharp dobrará produção de televisões de LCD antes do planejado

Popularização de conteúdo digital e boa aceitação no Japão, EUA e Europa forçam empresa a dobrar produção de LCDs em janeiro

Por Martyn Williams, para o IDG Now!*

27/12/2006 às 12h41

Foto:

Popularização de conteúdo digital e boa aceitação no Japão, EUA e Europa forçam empresa a dobrar produção de LCDs em janeiro

A crescente demanda por televisores de LCD em todo o mundo está forçando a Sharp a executar seus planos de expansão na produção de displays antes do planejado, disse a companhia na segunda-feira (25/12).

A segunda linha de produção da Sharp na sua fábrica de Kameyama começará a fabricar painéis de LCD em janeiro, dois meses antes do planejado, disse Miyuki Nakayama, porta-voz da Sharp em Tóquio.

A nova linha aumentará a capacidade da fábrica de Kameyama dos atuais 15 mil substratos de vidro por mês para 30 mil substratos por mês. Cada substrato mede 2,16 metros por 2,46 metros e diversas TVs de LCD podem ser fabricadas a partir de um mesmo material.

No caso das TVs de 46 polegadas, é possível produzir oito com apenas um substrato, enquanto, para modelos com 52 polegadas, o número cai para seis.

A companhia disse que o aumento da demanda por televisores de LCD foi forçado pela crescente distribuição mundial de conteúdo digital e em alta definição para TV.

A linha de TVs LCD Aquos, que tem modelos com 46 polegadas e 52 polegadas, está se provando bastante popular em vendas durante o fim do ano no Japão, Estados Unidos e Europa, afirmou a empresa.

*Martyn Williams é editor do IDG News Service, em Tóquio.

Tags

Junte-se a nós e receba nossas melhores histórias de tecnologia. Newsletter por e-mail Newsletter por e-mail