Home > Notícias

Brasil Telecom e Telefônica liberam acesso ao YouTube no Brasil

BrT desbloqueia site, atendendo a nova decisão da Justiça. Telefônica promete acesso ao YouTube na noite desta terça-feira

Por Daniela Braun, editora do IDG Now!

09/01/2007 às 18h08

Foto:

BrT desbloqueia site, atendendo a nova decisão da Justiça. Telefônica promete acesso ao YouTube na noite desta terça-feira

A Brasil Telecom acaba de confirmar o desbloqueio o acesso ao site de vídeos YouTube, nesta terça-feira (09/01), atendendo a nova decisão do Tribunal de Justiça de São Pauto em relação ao bloqueio do polêmico vídeo da apresentadora Daniella Cicarelli no YouTube.

A operadora foi a primeira a cumprir a ordem judicial, enviada em 03 de janeiro solicitando o bloqueio do domínio www.youtube.com em seu backbone internacional. Desde sábado (06/01) mais de 5 milhões de usuários da rede da BrT ficaram sem acesso ao YouTube.

A Telefônica, que atendeu a decisão judicial na tarde de ontem (08/01) e também bloqueou o acesso ao YouTube, informou que a partir da noite desta terça-feira, os seus usuários podem acessar novamente o YouTube.

Entenda do caso

Em novo despacho nesta terça-feira (09/01), o desembargador Ênio Santarelli Zulliani, do Tribunal de Justiça de São Paulo, mandou  “restabelecer o sinal do YouTube”, bloqueado pela Brasil Telecom e pela Telefônica, que receberam ofícios determinando a medida. Embratel, Global Crossing e Telecom Italia ainda não haviam cumprido a determinação do ofício.

O primeiro despacho do desembargador, de 02 de janeiro, tinha como objetivo fazer valer a proibição legal de que o apimentado vídeo de Cicarelli e seu namorado Tato Malzoni, em uma praia na Espanha, seja divulgado na internet brasileira.

Em meio a protestos de internautas insatisfeitos e irritados, a divulgação da decisão judicial causou polêmica. O texto da decisão, na opinião de especialistas na área, era dúbio, não deixando claro se o parecer era pelo bloqueio ao YouTube para os brasileiros ou apenas do vídeo da modelo - versão sustentada pelo desembargador, autor do despacho, em um esclarecimento à imprensa na própria quinta-feira.

Tags

Junte-se a nós e receba nossas melhores histórias de tecnologia. Newsletter por e-mail Newsletter por e-mail