MEC decide cidades que receberão testes de notebooks educacionais

Serão 2.840 portáteis usados em nove diferentes cidades para que governo decida qual plataforma educacional será escolhida para 2008

https://pcworld.com.br/idgnoticia2007-01-117584267222/
Clique para copiar

Serão 2.840 portáteis usados em nove diferentes cidades para que governo decida qual plataforma educacional será escolhida para 2008

O Ministério da Educação definiu quais colégios brasileiros receberão notebooks educacionais para testes durante o primeiro semestre de 2007 que balizarão a escolha da plataforma a ser usada em salas de aulas no país a partir de 2008.

De maneira geral, o teste contará com 2.840 máquinas, de diferentes fabricantes. Serão 1.000 notebooks chamados "de mercado", 1.000 notebooks XO, do projeto One Laptop per Child, 800 máquinas ClassMate PC, da Intel, e 40 portáteis Mobilis, da empresa indiana Encore.

Os mil notebooks convencionais - que terão configuração básica para alunos e professores, segundo o governo - serão empregados em colégios em Manaus (AM), Palmas (TO), João Pessoa (PB), Piraí (RJ) e na capital fluminense.

Já os mil equipamentos desenvolvidos pelo OLPC, provenientes de  uma segunda carga que o projeto deverá entregar ao país entre janeiro e fevereiro, serão utilizados em São Paulo (SP) e Porto Alegre (RS).

O governo já conta com 60 máquinas XO, chegas ao país no final de 2006 e distribuídas entre universidades federais e institutos de pesquisa  envolvidos com o projeto educacional.

Os 800 micros da Intel, doados pela empresa durante o anúncio da fabricação local dos portáteis, serão destinados a colégios públicos em Tiradentes (MG) e Brasília (DF).

Com menor participação, a empresa indiana Encore oferecerá 40 máquinas Mobilis para uso em um colégio em Brasília (DF).

Este anúncio desaparecerá em:

Ir para o site