Home > Dicas

Foto digital: conserte problemas de exposição

Aprenda como realizar os ajustes para melhorar as cores de sua fotografia em áreas específicas

Por Dave Johnson, da PC World (EUA)

16/01/2007 às 14h50

Foto:

Aprenda como realizar os ajustes para melhorar as cores de sua fotografia em áreas específicas

Se as câmeras digitais tivessem a capacidade de percepção do olho humano, evidentemente elas fariam milagres. Mas, para boas fotografias é preciso estar ciente do fato de que câmeras possuem somente metade desse alcance.

Então, algo que pareça ser de tirar o fôlego ao vivo freqüentemente fica pior na imagem, ou então subexposto quando capturado pela câmera. Mas há como contornar este problema.

O software Ulead PhotoImpact 12, por exemplo, possui um atributo de “alto alcance dinâmico” que permite a você combinar diversas imagens na mesma cena, tiradas com diferentes exposições.

Vamos ver como melhorar fotos com problemas de exposição usando o Paint Shop Pro da Corel. A técnica, porém, pode ser aplicada em outros programas de edição de imagem. Clique sobre as expressões sublinhadas para ver as alterações na foto.

Não corrija a foto inteira

Às vezes, não é preciso aplicar a correção de exposição na foto inteira, como na foto que iremos tratar (clique aqui)

Você pode ficar tentado a arrumar a imagem usando o histograma para clarear as partes da imagem que estão na sombra – e essa é uma solução rápida e nem tão boa.

No Paint Shop Pro, vá em Ajuste, Brilho e Contraste, Histograma de ajuste. Você deve ver um gráfico de histograma que é mais pesado à esquerda — o que significa que a imagem tem muitos pixels escuros e poucos claros.

Para clarear a imagem, arraste o triângulo branco que está mais à direita abaixo do histograma para a esquerda até que o número no fundo da caixa seja cerca de 15.000.

Isso é melhor de certas formas. Note que muitos detalhes foram restaurados a partir das sombras. Mas também superexpomos o céu no processo todo, tornando as nuvens tão brilhantes que quase machucam os olhos.

Para isso, há uma maneira melhor: clique em Editar, Desfazer e tente novamente.

Selecione apenas o céu

Em vez de clarear a imagem inteira, vamos nos focar na parte subexposta. Para tanto, selecione a opção “Seleção de Mão Livre” na terceira tecla na barra de tarefas situada ao lado esquerdo da tela.

Então vá em Smart Edge (Margem Inteligente) do menu Selection Type na paleta de ferramentas no topo da tela. (Se a paleta de ferramentas não estiver na tela, vá em View, Paletes, Tool Options).

Agora, cuidadosamente, selecione o céu clicando ao longo da montanha, um pouco de cada vez. Depois trabalhe nos lados e no topo da foto. Dê um clique duplo quando atingir o ponto de partida. Se cometer algum erro, clique com o botão direito e comece novamente.

Não se incomode de cortar as árvores a esquerda junto com o céu, apenas mantenha o contorno da montanha.

Uma vez com o céu completamente selecionado, vá em Selections, Invert. Isso inverte a seleção, assim o céu fica como a única parte da cena que não está selecionada.

O histograma novamente

Agora reaplique o procedimento do histograma, com os mesmo ajustes feitos anteriormente, e veja como fica.

É possível que você termine com uma imagem feia, com uma costura superexposta ao longo do recorte de seleção.

Isso porque a seleção inclui o contorno das árvores, que possuem um pouco do céu misturado. Para arrumar esse problema, desfaça o ajuste de histograma e selecione Selections, Modify, Contract.

Ajuste a ferramenta para cerca de 5 pixels e clique em OK (se necessário, pode-se usar outra ferramenta de seleção para recapturar os lados e a parte de baixo da foto). Por fim, execute o ajuste de histograma uma vez mais.

Este deve ser o resultado final – note que os detalhes da montanha aparecem, mas o céu continua o mesmo.

Tags

Junte-se a nós e receba nossas melhores histórias de tecnologia. Newsletter por e-mail Newsletter por e-mail