Home > Notícias

Fabricante britânica promete GPS de baixo custo para celulares e PDAs

Empresa britânica de chips de Bluetooth CSR irá adquirir duas fabricantes de software para levar custo para menos de 1 dólar por aparelho

Por Jeremy Kirk, para o IDG Now!*

16/01/2007 às 15h59

Foto:

Empresa britânica de chips de Bluetooth CSR irá adquirir duas fabricantes de software para levar custo para menos de 1 dólar por aparelho

A Cambridge Silicon Radio PLC, designer de chips wireless, comprará duas companhias de software cuja tecnologia deverá baixar o custo da incorporação de GPS nos eletrônicos de consumo, disse a empresa.

A CSR pagará 40 milhões de dólares pela NordNav Technologies AB e 35 milhões de dólares pela Cambridge Positioning Systems, as companhias anunciaram na segunda-feira (16/01).

A principal fonte de renda da CSR é o fornecimento de chips de Bluetooth para grandes vendedores de celulares, como Nokia, Samsung e LG. Faltava à CSR, porém, um software de integração de GPS aos chips de Bluetooth.

A NordNav desenvolveu uma tecnologia de GPS baseada em software que oferece diversas vantagens sobre a maneira como o GPS é atualmente embutido em smartphones, segundo um porta-voz da CSR.

Hoje em dia, o GPS exige um chip separado, que deixa o aparelho volumoso e aumenta o consumo de energia, já que exige mais processamento. O preço também fica alto, com a tecnologia de GPS aumentando o custo de produção em entre 5 e 10 dólares por aparelho, o que desencoraja alguns fabricantes.

Com o software da NordNav, a CSR diz que poderá diminuir o custo de incorporação do GPS para menos de 1 dólar por aparelho.

A CSR está adquirindo a Cambridge Positioning Systems por causa de um software dessa empresa que aumenta a velocidade com que o aparelho recebe o sinal e a localização. A companhia também produz um software que melhora o recebimento de sinal dentro de ambientes fechados, disse o porta-voz da CSR.

Nos próximos seis meses, a CSR integrará a tecnologia GPS na memória do software do chip de Bluetooth e, posteriormente, no próprio chip.

Jeremy Kirk é editor do IDG News Service, em Londres.

Tags

Junte-se a nós e receba nossas melhores histórias de tecnologia. Newsletter por e-mail Newsletter por e-mail