Home > Notícias

Programa do governo deve levar 1º PC a 1,2 milhão de brasileiros em 2007

Número ainda é conservador tendo em vista o lançamento de notebooks populares, diz assessor especial da Presidência

Por Redação do Computerworld*

17/01/2007 às 11h06

Foto:

Número ainda é conservador tendo em vista o lançamento de notebooks populares, diz assessor especial da Presidência

O Programa Cidadão Conectado – Computador para Todos, o PC Conectado – deve vender em 2007 cerca de 1,2 milhão de computadores para pessoas de baixa renda. A estimativa é do assessor especial da Presidência da República José Luís Maio de Aquino, um dos responsáveis pelo programa.

De acordo com Aquino, o aumento previsto nas vendas é conservador, mesmo considerando o lançamento do computador portátil (notebook), que deverá ocorrer em junho, “no máximo”. “Além do desktop (computador de mesa) que está sendo comercializado, nós vamos lançar o programa do notebook”.

O assessor informou que o governo está discutindo com a indústria nacional a especificação desse equipamento (notebook), que será produzido no Brasil.

O preço máximo de comercialização que o governo está trabalhando para o computador portátil é de 1,8 mil reais. Todas as indústrias interessadas em participar do projeto podem produzir.

Aquino destacou que as indústrias “só têm que garantir que vão fazer aquele equipamento, com aquele software, e que o preço máximo é 1,8 mil reais. Não é uma licitação. O governo dá a linha mestre e as empresas aderem. Quanto mais indústrias, melhor”.

Aquino lembrou que o computador de gabinete lançado pelo programa, com preço inicial máximo limitado a 1,4 mil reais, hoje é comercialização por até 890 reais.

*Com informações da Agência Brasil.

Tags

Junte-se a nós e receba nossas melhores histórias de tecnologia. Newsletter por e-mail Newsletter por e-mail