Home > Notícias

Adobe lança Flash 9 para Linux, depois de seis meses

Seis meses depois de lançar a última versão do Flash para Windows e Mac OS X, a companhia anunciou o aplicativo para o sistema operacional de código-aberto

Por Peter Sayer, para a PC World

22/01/2007 às 12h54

Foto:

Seis meses depois de lançar a última versão do Flash  para Windows e Mac OS X, a companhia anunciou o aplicativo para o sistema operacional de código-aberto

A Adobe lançou o Flash 9 para Linux, seis meses depois de a empresa ter lançado a versão para Windows e Mac OS X.

Agora, será possível que os usuários do sistema operacional de código aberto criem ou utilizem aplicações com a última versão do Flash. Os desenvolvedores web que exploraram os recursos mais avançados do
software, por exemplo, alcançarão a pequena porcentagem de navegadores web que rodam
apenas Linux em seu desktop.

A versão 9 do Flash Player roda scripts até 10 vezes mais rapidamente do que a versão anterior e também permite que programadores escrevam aplicações que explorem melhor as funções da plataforma de desenvolvimento Flex 2, da Adobe, informou a companhia na quarta-feira (17/01).

Essa plataforma permite que desenvolvedores construam aplicações com gráficos sofisticados, que obtêm dados de um servidor e os processam para apresentar ao cliente. Eles podem extrair dados de aplicações comerciais, como um sistema de gestão (ERP) ou que permitem a criação de arquivos que podem rodar de modo independente no desktop.

O Flash Player 9 para Linux pode ser baixado gratuitamente no site da Adobe.

*Peter Sayer é editor do IDG News Service, em Paris

Tags

Junte-se a nós e receba nossas melhores histórias de tecnologia. Newsletter por e-mail Newsletter por e-mail