Home > Notícias

LG apresenta 5 novos notebooks para triplicar vendas em 2007

Portáteis prontos para o Vista adiantam entrada da empresa no setor de portáteis com preço máximo de R$ 5 mil, programada para julho

Por Guilherme Felitti, repórter do IDG Now!

23/01/2007 às 15h15

Foto:

Portáteis prontos para o Vista adiantam entrada da empresa no setor de portáteis com preço máximo de R$ 5 mil, programada para julho

A LG apresentou cinco novos modelos da sua linha de notebook nesta terça-feira (23/01) focados em usuários high-end, com o ousado objetivo de triplicar suas vendas no setor durante o ano.

Além da presença do processador Core 2 Duo, da Intel, nos primeiros notebooks da marca, os cinco equipamentos - S1, W1, LW25, T1 e C1 - carregam o selo "Windows Vista Capable", que design micros prontos para rodar o novo sistema da Microsoft.

A coreana se adiantou a empresas como Dell, Semp Toshiba e HP, que deverão anunciar desktops e notebooks prontos para o Windows Vista na próxima semana, quando o sistema chega às prateleiras mundiais.

Mais simples entre as novidades, os portáteis LW25 (7.999 reais) e T1 (7.999 reais) têm chip Core 2 Duo, HD de 80 GB e tela de 12,1 e chip Duo Core, 60 GB de disco rígido e LCD de 15,4 polegadas, respectivamente.

Topo de linha, o W1 (9.999 reais) tem processador Core 2 Duo, 1 GB de memória, HD de 120 GB, tela de 15,4 polegadas e drive óptico Super Drive.

Foram apresentados também o S1 (8.999 reais), com processador Core 2 Duo, tela de 15,4 polegadas, disco de 100 GB e sistema de segurança biométrico, e o C1 (9.999 reais), com Pentium M de 1,2 GHz, 512 MB de memória básica e disco de 80 GB.

O objetivo de triplicar as vendas de portáteis para o segmento high-end não parece tão pretensiosa quando traduzida em números.

"Vendemos cerca de 10 mil notebooks durante 2006, em um mercado total de 640 mil. De maneira geral, a parcela é insignificante", admite Celso Previdelli, diretor comercial da LG.

"Mas para o público Premium podemos considerar bastante. Queremos chegar a 30 mil neste ano", prevê.

O executivo adianta também que a LG deverá introduzir, ainda no primeiro semestre, portáteis voltados ao chamado "medium market" - com preços que flutuam entre 4.000 reais e 5.000 reais.

"Não desistimos da fabricação local de portáteis. Precisamos apenas definir o modelo. Mas é certeza que, até julho, nos focaremos neste setor de notebooks hoje em que Dell e HP estão", afirma.

Tags

Junte-se a nós e receba nossas melhores histórias de tecnologia. Newsletter por e-mail Newsletter por e-mail