Home > Notícias

Passo-a-passo da rede sem fio

Saiba como montar uma rede sem fio e utilizar seu notebook em qualquer parte da casa ou do escritório

Por David de Oliveira Lemes

25/01/2007 às 16h04

sem-fio-70-84.jpg
Foto:

Saiba como montar uma rede sem fio e utilizar seu notebook em qualquer parte da casa ou do escritório

fios 100 120Esqueça os fios. Cada vez mais, equipamentos como handhelds, videogames e até câmeras fotográficas ganham recursos para conexão wireless. E não é diferente com o mundo dos notebooks, dispositivos que se destacam pela mobilidade.

Quase todos os computaores portáteis já saem de fábrica com conexão Wi-Fi embutida. Mas muitos usuários não estão familiarizados com esse recurso, que permite navegar na internet e compartilhar arquivos e periféricos como impressoras em rede, seja em casa, seja no escritório, seja nos populares hot spots .

Veja, a seguir, os passos, equipamentos e acessórios necessários para instalar sua rede sem fio.

1) O roteador

Para começar a montar uma rede sem fio, seja em casa, seja no escritório, o primeiro passo é adquirir um roteador wireless. Ele será a peça principal para distribuir o acesso sem fio por todo o ambiente. Redes Wi-Fi cobrem em média 100 metros ao redor do ponto de acesso.

Ao escolher um equipamento, prefira o padrão 802.11g, que trabalha com freqüências de 2,4 GHz e taxas de transmissão de 54 Mbps. O padrão 802.11b trabalha com uma taxa de 11Mbps e, com isso, sua rede pode ficar sensivelmente mais lenta.

O ponto de acesso precisa estar localizado em uma região central do imóvel. Também é necessário prestar atenção em obstáculos que podem causar interferência no sinal, como paredes, portas, móveis, lajes, fornos de microondas, motores elétricos, telefones sem fio e alarmes na mesma freqüência.

2) Conexão

Para montar uma rede sem fio, além do roteador wireless, é preciso ter acesso à internet banda larga, com tecnologias como cabo ou ADSL. Ou seja, contrate um provedor. Ligue o roteador wireless ao modem. Isso é feito usando um simples cabo de rede.

Lembrando que sua conexão com a internet, que antes chegava até um computador ou servidor, agora segue para o roteador wireless , que passa a distribuir a conexão por todo o ambiente.

3) Adaptadores

Para computadores sem dispositivos Wi-Fi, é necessário o uso de um acessório adicional. Os mais comuns são os adaptadores USB. Estes dispositivos acompanham CD de instalação para confi guração e instalação dos drivers.

Para notebooks, também existem cartões PCMCIA que podem ser instalados internamente ou na gaveta externa. Neste caso, também é necessário instalar os drivers da placa para tudo funcionar corretamente.

4) Configuração

Após conectar o modem ao roteador wireless, ative o recurso Wi-Fi do ++++computador para começar a configuração de rede. Normalmente, isto é feito via navegador de internet, como Internet Explorer ou Firefox, usando um endereço especial, que pode ser encontrado no manual do equipamento.

Outra maneira é utilizar um software fornecido pelo fabricante para ter acesso ao painel de controle do roteador. O importante nesta etapa do processo é tomar algumas medidas de segurança. Lembre-se de que o sinal da sua rede está aberto, e qualquer computador equipado
com Wi-Fi pode acessá-lo, se você não fi zer uma configuração correta.

Ao abrir o painel de controle, defina a identificação da sua rede sem fio (SSID) alterando o nome padrão, desabilite o recurso broadcasting, habilite o protocolo de criptografia (WEP) e crie uma senha segura, com letras, números e caracteres especiais. Pronto. É hora de desfrutar o mundo wireless.

POR DENTRO DOS PADRÕES

A tecnologia Wi-Fi evoluiu e popularizou-se. E seus padrões seguem em constante evolução.

O padrão 802.11g é o mais usado atualmente. Trabalha com velocidade de transmissão de dados em 54 Mbps (megabits por segundo) e opera na freqüência de 2,4 GHz. O padrão 802.11b transfere dados em 11 Mbps.

O padrão 802.11a, que também tem velocidade de 54 Mbps, é menos utilizado e não conversa com os dois anteriores porque opera em outra freqüência. Para 2007, está prevista a homologação do padrão 802.11n, que promete transferências de até 540 Mbps.

Junte-se a nós e receba nossas melhores histórias de tecnologia. Newsletter por e-mail Newsletter por e-mail