Home > Notícias

Fraude virtual deu prejuízo de R$ 300 milhões em 2006, estima IPDI

Apesar do crescimento das ameças, perdas mantiveram-se estáveis, estima o Instituto de Peritos em Tecnologias Digitais

Por Redação do IDG Now!

02/02/2007 às 14h54

Foto:

Apesar do crescimento das ameças, perdas mantiveram-se estáveis, estima o Instituto de Peritos em Tecnologias Digitais

O volume de fraudes em meios eletrônicos foi de 300 milhões de reais em 2006, o mesmo valor do ano passado, de acordo com estimativas divulgadas nesta sexta-feira (02/02) pelo Instituto de Peritos em Tecnologias Digitais e Telecomunicações (IPDI).

A estimativa foi feita com base no monitoramento de diversões canais da internet, como chats, sites do Orkut e outras fontes, explica Otávio Artur, diretor do IPDI.

Proporcionalmente, as fraudes virtuais caíram, pois o número de internautas e de transações deve apresentar crescimento em 2006. No ano passado, o número de clientes do internet banking cresceram 50%, segundo a Febraban (Federação Brasileira de Bancos).

O diretor do IPDI acredita que essa redução deve-se a maior conscientização dos usuários e aos investimentos de segurança realizado pelas instituições financeiras.

"Em 2007, acredito que o volume de fraudes deve-se manter estável ou até mesmo cair", afirmou Artur, para o IDG Now!.

Os dados do IPDI, em 2005, foram depois confirmados pela Febraban.

O número de incidentes de segurança verificados na internet brasileira atingiu 197 mil durante 2006, quase três vezes mais que as cerca de 68 mil registrados em 2005, segundo dados Centro de Estudos, Resposta e Tratamento de Incidentes de Segurança no Brasil (CERT.br).

Os worms puxaram o aumento das pragas gerais, atingindo 109.676 notificações, crescimento de 532% em comparação ao ano anterior.

Com menos índice de crescimento, as tentativas de fraudes onlines saltaram para 41.776 notificações durante o ano, acréscimo de 53% em comparação às 27.292 computadas em 2005.

Mesmo assim, o Cert.Br esclarece que tentativas de roubos online cresceram 52% em comparação com o terceiro trimestre do ano passado.

Tags

Junte-se a nós e receba nossas melhores histórias de tecnologia. Newsletter por e-mail Newsletter por e-mail