Home > Notícias

Em ano de baixo crescimento, Kodak perde liderança na fotografia digital

IDC aponta que Canon atingiu liderança do setor nos EUA em 2006, seguida pela Nikon, graças à introdução de câmeras reflex de baixo custo

Por Martyn Williams, para o IDG Now!*

05/02/2007 às 13h48

Foto:

IDC aponta que Canon atingiu liderança do setor nos EUA em 2006, seguida pela Nikon, graças à introdução de câmeras reflex de baixo custo

As empresas japonesa Canon e Nikon conseguiram aumentar significantemente suas participações no mercado de câmeras digitais nos Estados Unidos em 2006, enquanto a Kodak caiu do primeiro para o terceiro lugar, de acordo com estimativas do IDC.

A Canon vendeu 6,1 milhões de câmeras no EUA em 2006, mais de um milhão de unidades a mais que 2005, de acordo com os dados.

O cenário dá à Canon participação de mercado de 20%, suficiente para colocá-la na segunda posição do mercado de câmeras digitais elaborado pelo IDC.

Já a Sony atingiu um tímido crescimento de 3% em vendas, mas chegou ao segundo lugar, enquanto a Kodak, líder durante 2005, sofreu uma queda de 31% nas vendas e caiu para o terceiro lugar no quadro referente a 2006, disse o IDC.

A Nikon teve um forte desempenho e viu suas vendas aumentarem em 30% para 3 milhões de unidades, o que a manteve na quarta posição.

Entre outros fabricantes, a Panasonic teve suas vendas praticamente triplicadas para 1 milhão de unidades e a Samsung mais que dobrou seus números, atingindo 1,5 milhão de aparelhos, disse o IDC.

Os fortes ganhos obtidos pela Canon e Nikon são reflexos da introdução de câmeras reflex de lentes únicos de baixo custo.

Câmeras reflex de lente única usam um espelho entre as lentes e o filme ou sensor de imagem para projetar a imagem ao obturador do aparelho.

Os espelhos saem do caminho quando a fotografia é tirada. Os aparelhos normalmente suportam lentes intercambiáveis e são as preferidas de profissionais e fotógrafos entusiastas em relação aos modelos compatos "aponte e bata" que dominam o setor.

O mercado foi dominado pela Canon e Nikon por muitos anos, mas os altos preços mantiveram as câmeras longe das mãos de todos, a não ser profissionais e entusiastas.

No entanto, a forte competição no mercado de câmeras mais simples levou os fabricando ao desenvolvimenton de câmeras reflex mais baratas.

Tanto Sony como Panasonic entraram no setor com modelos própios neste anos, enquanto a Canon e Nikon responderam introduzindo novos modelos de baixo custo.

No geral, o mercado norte-americano cresceu 5% em 2006, queda em comparação aos 21% registrados em 2005 e abaixo dos 8% estimados pelo IDC para aumento neste ano.

Apenas cerca de 15% das novas câmeras foram vendidas para pessoas que ainda não tinham um aparelho, o que aponta para uma baixa taxa de substituição de fotografia analógica, afirmou o IDC.

No futuro, a consultoria espera que as vendas se manterão constantes nete anos, para então decaírem em 2008.

*Martyn Williams é editor do IDG News Service, em Tóquio.

Tags

Junte-se a nós e receba nossas melhores histórias de tecnologia. Newsletter por e-mail Newsletter por e-mail