Home > Notícias

Kodak entra no segmento de impressoras residenciais a jato de tinta

Empresa expande atuação além das impressoras fotográficas e anuncia três modelos a jato de tinta para o mercado residencial

Por Daniela Braun editora do IDG Now!

07/02/2007 às 16h39

Foto:

Empresa expande atuação além das impressoras fotográficas e anuncia três modelos a jato de tinta para o mercado residencial

A Eastman Kodak Company anunciou, na terça-feira (06/02), sua entrada no mercado de impressoras residenciais a jato de tinta. Segundo a empresa, as três impressoras da linha Kodak EasyShare permitirão que os consumidores imprimam tanto fotografias em alta resolução como documentos comuns. A fabricante promete até 50% de economia por impressão, por conta da tecnologia de pigmentação das tintas utilizadas.

“Estamos modificando as regras desta indústria para garantir que os consumidores possam imprimir o que quiserem de maneira acessível, fácil e com o alto nível de qualidade da Kodak que eles devem esperar", afirmou Antonio M. Perez, presidente de Chief Executive Officer (CEO) da empresa, em um comunicado.

Com o ingresso no segmento de impressão popular, a Kodak deve dar mais impulso ao Graphic Communications Group (GCG). O segmento apresentou um faturamento global de 3 bilhões de dólares no ano passado, com lucro de 57 milhões de dólares - mais do que o dobro em relação ao ganho de 28 milhões de dólares registrado no ano anterior.

No Brasil, a Kodak informou que ainda avalia a estratégia de oferta da nova linha de impressoras e não tem informações sobre a chegada dos produtos localmente. No mercado residencial brasileiro, a Kodak oferece três modelos de impressoras térmicas da linha PrinterDoc. Os equipamentos são fabricados na China e restritos à impressão em papel fotográfico.

A subsidiária tem atuado com mais força no mercado corporativo por meio das linhas de impressoras a laser para gráficas e scanners de alta definição. Neste último segmento, estão clientes como a rede varejista Casas Bahia, que digitalizou todo o seu arquivo de notas fiscais desde 2004. Atualmente, a rede usa os scanners para digitalizar cerca de 2 mil notas fiscais por minuto, informa a Kodak Brasil.

Tags

Junte-se a nós e receba nossas melhores histórias de tecnologia. Newsletter por e-mail Newsletter por e-mail