Home > Notícias

Serviço móvel de VoIP está prestes a se tornar realidade

Skype fez alarde no 3GSM World Congress do ano passado, mas outras companhias, e não ela, começam a trazer ao mercado ofertas de voz sobre IP para aparelhos móveis

Por Redação do COMPUTERWORLD

12/02/2007 às 14h21

Foto:

Skype fez alarde no 3GSM World Congress do ano passado, mas outras companhias, e não ela, começam a trazer ao mercado ofertas de voz sobre IP para aparelhos móveis

Quase um ano depois da Skype roubar as manchetes do 3GSM World Congress com planos de oferecer uma versão móvel de seu telefone pela internet, uma dupla de empresas iniciantes - e não a pioneira na telefonia pela internet propriamente dita - parece ter encontrado uma forma de fazer este tipo de serviço funcionar, tanto técnica como comercialmente.

Nesta semana, a Jajah Inc.anunciou o novo serviço VoiP móvel que permite a usuários de smart phones fazer chamadas de mais baixo custo e, em alguns casos, ligações internacionais gratuitas. Aos clientes basta acessar o portal da Jajah através do navegador dos seus aparelhos e registrar seu nome e senha.

O lançamento do Jajah Mobile Web veio no rastro de um outro serviço de VoiP móvel oferecido pela Fring Inc., que, ao contrário da Jajah, exige que os usuários baixem um software e os instalem em seus handsets habilitados à internet. O serviço da Fring oferece aos usuários acesso a serviços VoiP peer-to-peer, como Skype e Google Talk.

A Microsoft também demonstra ter interesse em participar do movimento VoiP móvel. Nesta semana, durante o 3GSM World Congress, em Barcelona, a gigante de software vai demonstrar uma nova versão do sistema operacional Windows Mobile que supostamente permitirá que operadoras e fabricantes de aparelhos adicionem a funcionalidade VoiP nos dispositivos que rodem o Windows Mobile.

Todos esses anúncios, e muitos outros que são esperados no congresso, acontecem enquanto a Skype, que atordoou a indústria de telefonia móvel no ano passado com seus planos em VoiP, reconhece obstáculos técnicos e comerciais para lançar o serviço.

Em recente entrevista a um jornal finlandês, o co-fundador e presidente da Skype, Niklas Zennström, admitiu os percalços técnicos e reconheceu que os esforços para tornar o serviço móvel vão levar "mais tempo do que se esperava".

Na feira Consumer Electronics Show, em Las Vegas, no mês passado, Eric Lagier, diretor de desenvolvimento de negócios da Skype, citou a falta de atratividade das tarifas fixas de muitos dos serviços móveis como um dos entraves comerciais do VoiP móvel.

No 3GSM World Congress do ano passado, a Skype e a operadora Hutchison 3 Group anunciaram uma parceria para criar o que elas esperavam que se tornaria o primeiro serviço comercial de voz sobre IP em aparelhos móveis.

*John Blau-IDG News Service (Alemanha)

Tags

Junte-se a nós e receba nossas melhores histórias de tecnologia. Newsletter por e-mail Newsletter por e-mail