Home > Notícias

Novo pacote de serviços na web Google Apps deve desafiar Office

Google lança versão Premium do pacote de serviços online e deve fazer frente à Microsoft na área de aplicativos, dizem analistas

Por Juan Carlos Perez, para o IDG Now!*

22/02/2007 às 14h55

Foto:

Google lança versão Premium do pacote de serviços online e deve fazer frente à Microsoft na área de aplicativos, dizem analistas

O Google está avançando no mercado de comunicação e colaboração com o lançamento de uma importante atualização ao Google Apps, pacote de serviços hospedados na web para empresas. Segundo analistas, este avanço pode permitir que o pacote online concorra de fato com as aplicações para desktop Office, da Microsoft.

Nesta quinta-feira (22/01), o Google introduz uma versão do Google Apps que, por uma taxa, oferece alta disponibilidade, ferramentas de gerenciamento de TI, suporte técnico, maior capacidade de e-mail e integração com as aplicações de planilha e texto online Docs & Spreadsheets, além de suporte ao Gmail no Blackberry.

Com custo de 50 dólares por usuário ao ano, o Google Apps Premier Edition é a terceira e mais sofisticada versão do pacote lançado em agosto do ano passado, nas edições gratuitas Standard Edition e Education Edition. Como os antecessores, o pacote Premier inclui serviços como o webmail Gmail, o organizador compartilhado Calendar e a ferramenta de mensagem instantânea Talk.

A versão Standard já é usada por mais de 100 mil pequenas empresas e a Education por centenas de universidades. A nova edição do Google Apps, contudo, começa a se apresentar como uma provável concorrente do Office, já que as organizações estão se acostumando ao modelo de aplicações hospedadas, apesar das preocupações com segurança.

O Forrester Research, por exemplo, não está dizendo às empresas para abandonar o Office, mas recomenda aos CIOs dar uma boa olhada no Google Apps, principalmente sob o ponto de vista de custo, disse a analista Erica Driver. “A Microsoft tem uma chance de responder, mas isso muda o jogo”, avalia a especialista.

A Microsoft alega ter componentes hospedados em web no Office há anos e acredita na combinação com o software para desktop como a abordagem correta. O Office Live, que tem cerca de 250 mil assinantes, oferece serviços como criação de sites e horpedagem para pequenas empresas. Já o Office Online, com 70 milhões de visitantes únicos mensais, oferece recurso do Office na web.

“Estamos muito comprometidos com serviços [hospedados] e software [para PC]”, disse Kirk Gregersen, diretor do time de Office na Microsoft. Sobre o preço do pacote da Microsoft, Gregersen argumentou que o clientes do Office já têm alternativas mais baratas e até gratuitas, mas levam em conta outros fatores além do custo.

O próprio Google reconhece que o Google Apps não têm tantos recursos quanto o Office, que conta com uma base instalada de 450 milhões de usuários. Faltam ao pacote do Google aplicações de apresentação, como o PowerPoint, além de recursos mais avançados nos softwares de planilha e texto, dizem os analistas.

Em contrapartida, a Microsoft precisa melhorar o valor das aplicações Office online, que não incluem versões hospedadas do Word e do Excel, por exemplo, disse a analista Rebecca Wettemann, da Nucleus Research.

Para ela, as melhorias na conexão em banda larga devem fazer com que as organizações olhem para as aplicações hospedadas como o Google Apps. Em uma pesquisa recente, a Nucleus constatou que 51% das organizações usa alguma aplicações sob demanda em áreas como CRM (customer relationship management), gestão de projetos, gestão de conteúdo, comércio eletrônico e colaboração.

Pacote Premier

Quem assinar a nova versão Premier do pacote do Google terá 10GB para armazenamento de e-mail (comparado a 2GB na versão Standard) e garantia de disponibilidade de 99,9%, além de suporte por telefone para os administradores de TI. O pacote inclui ainda APIs (application programming interfaces) para integrar as aplicações a outros software e dados da empresa.

As versões Standard e Education também estão sendo aprimoradas com suporte ao Docs & Spreadsheets e suporte ao Gmail para BlackBerry. Outros recursos, como o serviço de wiki JotSpot devem ser integrados ao pacote.

*Juan Carlos Perez é editor do IDG News Service, em Miami.

Tags

Junte-se a nós e receba nossas melhores histórias de tecnologia. Newsletter por e-mail Newsletter por e-mail