Home > Notícias

Europa investe 9 milhões de euros em banda larga via rede elétrica

Projeto visa melhorar aplicações como ensino virtual, telefonia IP, vídeo sob demanda e outros serviços inteligentes

Por Redação do Computerworld

22/02/2007 às 14h49

Foto:

Projeto visa melhorar aplicações como ensino virtual, telefonia IP, vídeo sob demanda e outros serviços inteligentes

A União Européia aprovou um financiamento de 9,06 milhões de euros para apoiar uma especificação aberta para aplicações de acesso à internet em banda larga via redes de alta tensão.

A iniciativa é desenvolvida pela Opera, Open PLC European Research Alliance, aliança de estudo destinada a criar uma nova geração tecnológica para redes integradas. O projeto é co-financiado pela União Européia e poderá beneficiar a todos os países interessados no sistema.

A organização iniciou agora sua segunda fase, centrada nas aplicações de tecnologia. Em 2006, o grupo desenvolveu e adotou uma especificação para acesso BPL (broadband power line, banda larga via rede elétrica). A especificação é baseada na tecnologia DS2, de 200 Mbps.

Durante os dois próximos meses, a Opera centralizará seu trabalho na implantação de BPL para aplicações como internet de banda larga, ensino virtual, telefonia VoiP, entre outros serviços inteligentes, como EMS e AMM, além de vídeo sob demanda.

A iniciativa terá participação de 26 sócios procedentes de 11 países, sendo que a Espanha encabeça o grupo no continente.

Tags

Junte-se a nós e receba nossas melhores histórias de tecnologia. Newsletter por e-mail Newsletter por e-mail