Home > Dicas

Valor condicional com imagens

Faça gráficos condicionais usando imagens ao invés de cores, mesmo sem ter o Office 2007

Por Fábio Vianna, especial para a PC WORLD

05/03/2007 às 15h46

Foto:

Faça gráficos condicionais usando imagens ao invés de cores, mesmo sem ter o Office 2007

Quem utiliza formatação condicional para a construção de relatórios gerenciais e tem Excel 2007, pode substituir as cores dos campos por símbolos, como semáforos, setas para cima e para baixo.Com a dica que vem a seguir, isso também se torna possível nas versões anteriores do software – apesar de dar muito mais trabalho. O resultado final é igual ao apresentado no Excel 2007 e com mais alternativas.

Neste exemplo, criaremos a seguinte regra: valores abaixo de 1000 ficam em vermelho, entre 1000 e 2000 ficam em amarelo e, acima disso, os valores ficam em verde.

1) Construa uma planilha como a que segue:

2) Cole no Excel as imagens que usaremos em nossa planilha. Você pode usar as figuras que quiser, mas todas devem ter o mesmo tamanho. Neste caso, usarei bolinhas nas cores de semáforo (clique aqui e baixe outros símbolos):

4) Nomeie cada célula. Para isso, o mais simples é clicar sobre a célula (não é sobre a IMAGEM, e sim sobre a CÉLULA na qual ela está sobreposta).3) Cole no Excel cada imagem e ajuste o tamanho da célula para que ela encaixe exatamente dentro da área de uma célula. Se isso não for feito, não funcionará.

Em seguida, clique na janela de inserção de nome (veja figura abaixo), crie um nome para aquela célula e aperte ENTER. No exemplo, as células estão nomeadas como Vermelho, Amarelo, e Verde.

Se você tiver algum problema, também pode ir pelo menu Inserir, Nome, Definir e fazer a mesma coisa.

5) Agora, crie na planilha o campo em que será digitado o valor a ser checado pelo Excel para verificar em que categoria ele se encontra. Para isso, use a função CORRESP, que retorna à posição de um valor em relação a uma lista:

Desta forma, a função retornará em que categoria nosso valor se encontra: se for menor do que R$ 1000, será 1; se for maior ou igual a R$ 1000 e menor do que R$ 2000 será 2; e, por fim, será 3.

Você também poderia usar a função SE: =SE(B16<1;1;(SE(2000>=B16>1000;2;3)))

Função que define as cores

Crie a função que, conforme o valor — 1,2 ou 3 —, retornará vermelho, amarelo ou verde. Para funcionar corretamente, esta função precisa ser colocada não diretamente na planilha, e sim dentro de um nome, de forma similar a que fizemos com as figuras.

6) Clique em Inserir, Nome, Definir. Na tela que aparecerá você poderá ver os três nomes criados anteriormente. No campo Nomes na Pasta de Trabalho, escreva um nome qualquer. Por exemplo, Checagem (o recurso de nomes no Excel não aceita espaços).

7)Na parte de baixo, na chamada Refere-se a, coloque a função que, dependendo do valor (1, 2 ou 3), usará um dos nomes criados. Ela ficará assim:

A função ESCOLHER, como diz o nome, escolhe um valor em uma lista definida.

Em nossa função, a célula B16 nada mais é do que a célula em que colocamos a função CORRESP para nos dizer a que categoria o valor pertence: se na célula tivermos 1, será vermelho; se tivermos 2, ele escolherá o segundo da lista, amarelo; se for 3, será verde.

8) Para que apareça a imagem da cor correta, vá à planilha em que estão as três imagens e copie uma das três células (mais uma vez, atenção: não é para copiar a imagem e, sim, a célula).

9) Depois de copiar qualquer uma das células, vá à planilha base. NÃO COLE! Clique na tecla SHIFT e, sem soltar, clique em Editar. Aparecerá uma opção chamada Colar Vínculo da Figura.

10) Clique nela e você verá algo como abaixo. A sugestão é colar sobre aquele número resultante da função CORRESP.

11) Mas nem sempre quererá o vermelho; o que interessa é que mude a cor de
acordo com o valor. Então, substitua aquela fórmula pelo nome que
criamos, e deixe assim: =Checagem.

Pronto! Agora, vá alterando os valores de vendas e veja como a imagem muda de cor.

12) Vá à planilha de Imagens, clique em Ferramentas, Opções e na guia Exibir. Desmarque a opção Linhas de Grade.

Com
esse procedimento, você pode fazer várias outras coisas. Por exemplo,
dependendo do código de um produto, ele traria sua imagem ou o mapa de
uma cidade e etc.

Fábio Vianna é consultor com mais de 10 anos de experiência em modelagem de planilhas. Sócio diretor do Centro de Excelência em Planilhas e idealizador do site Portal Do Excel.

Tags

Junte-se a nós e receba nossas melhores histórias de tecnologia. Newsletter por e-mail Newsletter por e-mail