Home > Notícias

Nortel fecha com a TVA seu primeiro teste de WiMax no Brasil

Operadora também testou tecnologia com a Samsung, que será implantada em Curitiba (PR), mas fará testes na capital paulista com a Nortel

Por Taís Fuoco, editora do Computerworld

08/03/2007 às 10h14

Foto:

Operadora também testou tecnologia com a Samsung, que será implantada em Curitiba (PR), mas fará testes na capital paulista com a Nortel

A canadense Nortel Networks fechou com a TVA, do grupo Abril, seu primeiro negócio no País na tecnologia de banda larga sem fio WiMax. As duas empresas aguardam a chegada dos equipamentos para abril e o início dos teste entre maio e junho.

A TVA, cujo controle a Telefônica tenta comprar, anunciou no ano passado acordo semelhante com a Samsung, mas nega que agora se trate da troca do fornecedor. "É saudável ter mais de um fornecedor", afirmou Virgílio Amaral, diretor de estratégia e tecnologia da TVA.

Segundo ele, a Samsung foi a escolhida para a primeira operação comercial da TVA em WiMax, que será instalada na cidade de Curitiba (PR) até a metade deste ano. Segundo ele, trata-se de "uma tecnologia muito recente" e, apesar de todos estarem padronizados, "cada fabricante tem seu próprio desempenho", o que fez a companhia decidir testar uma nova opção.

Segundo Amaral, a TVA deu início ao seu projeto de WiMax em 2005 e tem conversado bastante com operadoras como Spring e Korea Telecom. Isso também foi o que atraiu a Nortel para oferecer sua tecnologia aos testes, disse Juan Chico presidente da Nortel no País. "A TVA é hoje a companhia mais avançada em WiMax no Brasil", disse ele, em encontro com a imprensa.

De acordo com o diretor da TVA, a tecnologia da Nortel permite maior capacidade de banda, maiores velocidades, aumento da área de cobertura de cada célula e maior cobertura dentro da residência. São Paulo foi escolhida para os testes por ter grande concentração de prédios e muita interferência.

Já Curitiba foi escolhida para o lançamento da operação comercial por envolver "um dos mercados mais exigentes do País", de acordo com Amaral. Segundo ele, os preços ainda não estão definidos porque a companhia vai reformular todos os pacotes naquela cidade. A rede por microondas que a TVA opera na região está sendo digitalizada e os pacotes incluirão as três ofertas - banda larga, TV e telefonia. "Será uma nova TVA", afirmou o executivo.

Os testes em São Paulo terão cobertura restrita, mas o bairro e o número de usuários ainda não foram definidos. "Os investimentos serão altamente relevantes", disse Amaral, sobre o projeto WiMax dentro da corporação.

O diretor da TVA afirmou que já existem conversas entre a companhia e a Telefônica, "mas ainda não há nenhum tipo de integração" em WiMax já que os órgãos reguladores não deram seu aval à compra da companhia de TV por assinatura.

Tags

Junte-se a nós e receba nossas melhores histórias de tecnologia. Newsletter por e-mail Newsletter por e-mail