Home > Notícias

Em banking, só 10% dos usuários trocam segurança por conveniência

Perda de dados pessoais e a possibilidade de fraudes financeiras foram as duas preocupações mais citadas por participantes da pesquisa

Por Tash Shifrin, para o IDG Now!*

09/04/2007 às 10h33

Foto:

Perda de dados pessoais e a possibilidade de fraudes financeiras foram as duas preocupações mais citadas por participantes da pesquisa

Nove em cada dez consumidores estão preparados para sacrificar conveniência em favor de maior segurança para proteger as contas bancárias online.

Uma enquete com mais de 2,7 mil participantes, nos Estados Unidos, revelou que a perda de dados pessoais e a possibilidade de fraudes financeiras foram as duas preocupações mais citadas entre os usuários.

Questionados sobre a preferência por conveniência ou segurança, apenas 10% dos participantes disseram que sacrificariam proteção pela praticidade.

Os clientes de bancos estão mais preocupados com a segurança da sua identidade do que se seriam reembolsados por possíveis perdas com fraudes, disse a pesquisa, realizada pela Javelin Strategy and Research e pelo provedor de serviços de autenticação Authentify.

Stephen Knighten, analista da Javelin, afirmou: “Identificamos uma importante mudança nas preocupações dos usuários de online banking. Estes resultados mostram que a indústria de serviços financeiros tem que [...] oferecer proteções mais amplas de identidade e ganhar a confiança do consumidor que está relutante em fazer transações financeiras online”.

A pesquisa revelou ainda que 78% dos participantes gostariam que sua identidade fosse verificada usando mecanismos de autenticação em tempo real no caso de atividade suspeita.

*Tash Shifrin é editora do Computerworld UK, em Londres.

Tags

Junte-se a nós e receba nossas melhores histórias de tecnologia. Newsletter por e-mail Newsletter por e-mail