Home > Notícias

Gravadoras pressionam Apple a adotar modelo no iTunes

Universal será a primeira a negociar adoção do modelo, que garante receita maior e mais regular, dizem reportagens

Por Jonny Evans, para o IDG Now!*

13/04/2007 às 14h21

Foto:

Universal será a primeira a negociar adoção do modelo, que garante receita maior e mais regular, dizem reportagens

A Apple está iniciando uma nova rodada de negociações ligadas ao iTunes com as grandes gravadoras. Segundo o Financial Times, a indústria fonográfica vai pressionar a companhia a oferecer músicas no modelo de assinatura.

Para as gravadoras, a assinatura é boa porque oferece receitas regulares, embora os artistas recebam menos royalties neste modelo. Já os usuários têm acesso a um universo maior de canções, mas se quiser adquiri-las definitivamente têm que pagar novamente.

A maior gravadora do mundo, a Universal Music, dá início às conversas na próxima semana, enquanto quatro outras gravadoras devem seguir o movimento, segundo o FT.

Uma segunda reportagem, na CBS Marketwatch, aprofunda o tema dizendo que “executivos da Universal e de outras gravadoras acreditam que a assinatura pode se provar mais lucrativa para elas que o atual modelo do iTunes de cobrar 99 centavos por faixa porque aumentaria o consumo de música pelos usuários”.

A Apple se posicionou contra o modelo de assinatura no passado, embora eles tenham se provado populares em países que usam predominantemente celulares como players.

*Jonny Evans é editoro do Macworld, em Londres.

Tags

Junte-se a nós e receba nossas melhores histórias de tecnologia. Newsletter por e-mail Newsletter por e-mail