Home > Notícias

Os 50 melhores produtos de tecnologia de todos os tempos – Da 20ª à 11ª posição

Estamos quase chegando ao pódio! Conheça os equipamentos que ocupam da 20ª à 11ª posições do ranking dos mais memoráveis equipamentos

Por Christopher Null, PC World EUA

19/04/2007 às 11h40

Foto:

Estamos quase chegando ao pódio! Conheça os equipamentos que ocupam da 20ª à 11ª posições do ranking dos mais memoráveis equipamentos

:: 20 - Microsoft Windows 95 (1995)
Temos plena consciência da importância do Windows for Workgroups 3.11, Windows 98 SE e Windows 2000, mas foi o Windows 95 que trouxe os grandes nomes de arquivo, verdadeiras tarefas múltiplas e uma interface gráfica incrivelmente aperfeiçoada, numa época em que o Windows era, de fato, mais bonito que o Mac.

:: 19 - id Software Doom (1993)
doomprodutosSe os críticos da violência nos games estivessem certos, o Doom seria culpado por boa parte das mazelas da sociedade. O jogo colocou o gênero de tiro em primeira pessoa na estratosfera. Assim que saiu, o game logo se popularizou e todos amaram seus gráficos 3D (hoje, primitivos) que ainda estavam ao alcance daqueles que quisessem projetar e crias suas próprias fases. Os puristas vão exigir aqui a presença do Wolfenstein 3D, mas só no Doom você podia usar uma serra elétrica como arma. As versões para PC do jogo certamente ainda vivem, mas hoje as versões para portáteis são mais comuns.

:: 18 - Palm Pilot 1000 (1996)
palmprodutosO Palm Pilot 1000 nao foi o primeiro PDA, mas foi o primeiro, de fato, importante. Seguindo a lição do declínio do Apple Newton, a Palm projetou um assistente pessoal digital que se focava na portabilidade. O modelo original foi tão influente que o nome “Palm Pilot” continuou na série, mesmo que o “Pilot” tivesse sido banido em 1998. Diversos aspectos do sistema operacional original Palm, incluindo seu layout, ainda são encontrados nos Treo atuais.

:: 17 - Canon Digital Elph S100 (2000)
canons100produtosAs primeiras câmeras digitais não eram grande coisa: grandes, pouco anatômicas e sem estética. Mas a Digital Elph original mudou tudo isso. Revestida em aço e incrivelmente pequena, a Canon S100 mostrou o quão sofisticada uma câmera digital de bolso poderia ser. Embora não tivesse tantos atributos, tinha resolução de 2.1 megapixels, zoom óptico de 2x e foco automático. As câmeras de hoje continuam a inspirar o design na linha Elph e as câmeras de bolso da Canon ainda mantém o look geral do modelo original.

:: 16 - 3dfx Voodoo3 (1999)
voodoo3produtosConversas sobre a melhor placa de vídeo de todos os tempos podem facilmente virar uma discussãozinha exaltada de colégio, mas poucos discordarão da importância da placa Voodoo3, da 3dfx. Elas tinham monopólio virtual numa época de jogos com múltiplas texturas, como o Quake 3, e a 3dfx ainda criou uma API (interface de programas aplicativos) personalizada chamada Glide para os desenvolvedores usarem na codificação de games. A Voodoo3 foi um enorme sucesso, mas a 3dfx logo se encontrou em problemas. A Glide caiu em desuso, os produtos seguintes foram um desastre e a empresa torrou tanto dinheiro que um ano depois estava praticamente quebrada.

:: 15 - RIM BlackBerry 857 (2000)
blackberryprodutosQuando a RIM apresentou o BlackBerry 850 original, ela logo percebeu a genialidade da sua idéia de transformar seu pager em algo mais elaborado. O 850 podia enviar e receber e-mails – que você podia digitar no teclado QWERTY—mesmo que a tela de oito linhas deixasse pouco espaço para organizar as mensagens. Surgiu então o BlackBerry 857, que era basicamente o mesmo aparelho só que com 20 linhas de texto. O design fez com os projetistas  pensassem que não seria uma má idéia usar o dispositivo como telefone celular. Dois anos depois a RIM lançaria seu primeiro aparelho e-mail/telefone, e o design do 857 ainda influencia muitos dos smartphones atuais e é reconhecido em quase todos os produtos da linha BlackBerry.

:: 14 - Apple Macintosh Plus (1986)
macplusprodutosDois anos depois do lançamento do primeiro computador Macintosh, a Apple finalmente encontrou seu rumo com o Mac Plus, que corrigiu vários defeitos presentes no Mac original e se tornou um dos produtos mais amados e usados da empresa. A caixa estilosa trazia um processador Motorola 68000, tela monocromática embutida de nove polegadas e um drive de disquete 3.5. A grande inovação era uma porta SCSI para conexão de hard drive externo e 1MB de RAM, que podia expandir a até 4MB. Os iMacs de hoje têm estilo, mas foi no Mac Plus (e no seu preço de 2.600 dólares) que tudo começou.

:: 13 - Atari VCS/2600 (1977)
atariprodutosNão se pode subestimar a importância do Atari orginal, o patriarca do mundo dos games. Todo console moderno de videogame deve parte de si a esta máquina de design simples. O VCS (depois rebatizado de 2600) era um mero objeto de curiosidade (até a chegada do Space Invaders, em 1980), com vendas de 8 milhões de unidades só em 1982. As somas totais do 2600 são de 40 milhões de unidades, que pavimentaram o caminho para a indústria ser o que é hoje. Junto como Pong original, o 2600 se mantém como o único e verdadeiramente importante item que a Atari já lançou.
:: 12 - IBM ThinkPad 700C (1992)

thinkpadprodutosPor muitos anos, o único nome que importava no universo dos laptops era o da IBM. A cada novo ThinkPad lançado, o mercado ficava cada vez mais maravilhado com os novos produtos mais leves, poderosos e com telas maiores do que seu antecessor. O modelo 701C, por exemplo, trazia um teclado de expansão apelidado de “borboleta” que, de tão inovador, acabou indo parar no MOMA, o Museu de Arte Moderna de Nova Iorque. Contudo, a máquina que deu origem à linhagem era o 700C, com 2,7 quilos, tela de 10,4 polegadas de TFT e lápis de indicação. Apesar do laptop agora ser propriedade da Lenovo, ThnkPads como o R60 ainda são considerados símbolo de status na comunidade empresarial.

:: 11 - Adobe Photoshop 3.0 (1994)
photoshoprodutosDesde de que apareceu no Mac em 1988, o Photoshop logo se tornou indispensável para muitos, mas se consagrou como uma unanimidade só depois que suas ferramentas gráficas passarem a ser essenciais para profissionais do design. Tudo começou com o Photoshop 3.0 e a introdução das camadas, que permitiam aos designers trabalhar com imagens e efeitos em vários níveis, um sobre o outro, e não somente numa única dimensão. Essa tecnologia abriu as portas para a manipulação de imagens numa escala muito maior do que era possível até então – e também o motivo pelo qual devemos desconfiar de todas as fotos que vemos.

:: Voltar para a abertura do especial

Junte-se a nós e receba nossas melhores histórias de tecnologia. Newsletter por e-mail Newsletter por e-mail