Home > Notícias

Robôs filmam, fotografam e estabelecem conexão wireless à web

Pesquisadores da Carnegie Mellon University incorporaram um diferencial à invenção: o robô vem com peças para ser montado

Por Redação do IDG Now!

26/04/2007 às 17h14

Foto:

Pesquisadores da Carnegie Mellon University incorporaram um diferencial à invenção: o robô vem com peças para ser montado

A Carnegie Mellon University acaba de anunciar uma nova série de robôs desenvolvida pelos seus pesquisadores. Ao contrário dos disponíveis no mercado, ele não vem montado, mas sim com peças.

O robô é simples o suficiente para qualquer um construir. Contudo, são máquinas sofisticadas que podem fazer conexões wireless à Internet. O robô pode ainda mandar fotos ou vídeo, responder a feeds RSS ou acessar a Internet para encontrar informações.

Uma vez que é composto por peças, os robôs podem tomar muitas formas, seja um modelo com três rodas e uma câmera acoplada ou uma flor com sensores infravermelhos. Eles podem ser facilmente personalizados, e a habilidade de conexão wireless permite que o usuário controle e monitore as ações de seus robôs de qualquer computador conectado à Internet.

As ferramentas que tornam isso possível são um hardware e um conjunto de instruções que as pessoas seguem para construir seus robôs. Ambos fazem parte do kit Telepresence Robot (TeRK) desenvolvido pela Associação de Professores de Robótica Illah Nourbakhsh e membros do laboratório Community Robotics, Education and Technology Empowerment (CREATE). O objetivo é produzir robôs altamente capazes e acessíveis a estudantes e interessados em robótica em geral.

No coração de cada TeRK está um controle único, o Qwerk, que combina um computador com o software e eletrônicos necessários para controlar os motores do robôs, câmeras e outros dispositivos.

O Qwerk, desenvolvido pelos laboratórios CREATE e Charmed (de Austin, no Texas), também conecta o robô à Internet sem fio - dessa forma, ele pode ser controlado por qualquer computador conectado à rede.

Junto ao TeRK está disponível um pequeno robô que possui uma câmera de vídeo, que as pessoas podem utilizar para, por exemplo, espiar seu animal de estimação enquanto estão fora de casa. Outro recurso em desenvolvimento inclui sensores ambientais para qualidade do ar e poluição sonora. Um pouco menos convencional, uma flor robótica de seis pétalas também poderá ser construída.

O Qwerk roda o sistema operacional Linux e inlcui com um portal de dados programáveis (FPGA) para controlar motores, câmeras, amplificadores e outros. Ele também aceita dispositivos USB periféricos, como câmeras para web e receptores GPS.

O TeRK foi desenvolvido com o apoio do Google, da Intel e Microsoft. Ele já está sendo utilizado em escolas e algumas comunidades.

Tags

Junte-se a nós e receba nossas melhores histórias de tecnologia. Newsletter por e-mail Newsletter por e-mail