Home > Notícias

Comunidade força Digg a enfrentar indústria por anticópia quebrada

Serviço de notícias online é alvo de ameaça de processo por publicar código para quebrar sistema anticópias de discos Blu-Ray e HD-DVD

Por Sumner Lemon, para o IDG Now!*

02/05/2007 às 11h56

Foto:

Kevin Rose, o fundador do Digg.com, jogou a toalha na noite desta terça-feira (01/05). Até então, executivos do Digg gastaram horas em uma batalha inútil ao tentar remover repetidos posts publicados pela comunidade do popular serviço que continham a chave necessária para quebrar a criptografia AACS, usada pelos discos de alta definição HD-DVD e Blu-Ray.

A companhia começou a remover os posts após receber uma ameaça de outra empresa que alega que os posts violavam sua propriedade intelectual.

Assim que o Digg removeu um post com os dados, outro apareceu quase que instantaneamente, seguidos por dezenas de outros.

No fim, Rose desistiu e anunciou em um post no blog do Digg que a companhia não brigaria mais com seus usuários por isto.

"Vocês prefeririam ver o Digg lutando a se curvar a uma grande companhia. Nós escutamos vocês e pararemos de deletar histórias ou comentários que contenham o código e negociaremos, independente das conseqüências", escreveu Rose.

"Se perdermos, pelo menos nós morreremos tentando", continuou. Seu post não revelou o nome da fonte que enviou o documento com ameaças, mas é provável que a carta tenha vindo da AACS Licensing Administrator, que administra a tecnologia de criptografia.

Porquê a chave de AACS, que estava disponível há meses na internet, atraiu tanta atenção a ponto de ser removida do Digg não ficou imediatamente claro.

"Quem controla a AACS está tentando fechar sites que publicam a chave de 128-bits na íntegra", escreveu Ed Felten, professor de ciência da computação e política pública da Universidade de Princeton, no blog Freedom to Tinker.

É improvável também que tais atitudes atinjam sucesso, dada a popularidade e o alcance que as chaves já atingiram na internet.

"As chaves permanecerão online de qualquer maneira, e a companhia que as administra está apenas fazendo papel de boba", finalizou Felten.

*Sumner Lemon é editor do IDG News Service, em Pequim.

Tags

Junte-se a nós e receba nossas melhores histórias de tecnologia. Newsletter por e-mail Newsletter por e-mail