Home > Notícias

Microsoft inicia processo de migração do Hotmail para novo serviço

Com 2 GB de espaço de armazenamento, o novo Hotmail incorpora interface mais amigável - semelhante ao Outlook, e novas ferramentas de sergurança e produtividade

Por Juan Carlos Perez, para o IDG Now!*

07/05/2007 às 11h49

Foto:

Com 2 GB de espaço de armazenamento, o novo Hotmail incorpora interface mais amigável - semelhante ao Outlook, e novas ferramentas de sergurança e produtividade

Atualizada: 13h00

A Microsoft encerrou o período de testes públicos do Windows Live Hotmail e iniciou a migração dos usuários do Hotmail para o novo serviço, processo que deve durar alguns meses, a empresa anuncia nesta segunda-feira (07/05).

O Windows Live Hotmail, considerada a maior atualização do serviço de e-mail online desde sua estréia, em 1996, foi testado por mais de 20 milhões de usuários (3 milhões só no Brasil) desde que a companhia abriu os testes para não-funcionários, em meados de 2005, segundo Brooke Richardson, gerente de produtos para o serviço de e-mail na Microsoft.

“É mais seguro, mais rápido e tem mais funções que o Hotmail. É definitivamente um avanço para nossos atuais clientes”, disse ela. O Windows Live Hotmail tem uma nova base de códigos que permitirá à Microsoft adicionar melhorias com maior agilidade, coisa que não conseguia fazer com o código do Hotmail, que tem mais de dez anos, segundo a executiva. “É uma base muito mais estável para inovarmos”, disse ela.

A migração deverá acontecer gradativamente e será necessário intervenção do usuário. Ao se logar no sistema, ele pode receber uma mensagem convidando para a migração ou clicar voluntariamente em um botão verde que será exibido na tela principal do serviço, após o login no Hotmail.

Priscyla Alves, gerente de marketing e serviços de comunicação do Online Services Group da Microsoft Brasil diz que o processo deverá levar algum tempo. "São 23,3 milhões de usuários ativos no País [que acessaram o Hotmail no Brasil nos últimos 30 dias] e que vão escolher quando migrar já que não há data estipulada para desativação da versão anterior do serviço", diz  Priscyla.

Novos usuários serão automaticamente incorporados ao Windows Live Hotmail, mas assim como qualquer outro usuário do serviço terão a opção de escolher a interface “clássica”, que lembra o visual do antigo Hotmail, ou a nova, que se parece mais com uma versão do software de desktop Outlook para a web. Quem migrar passa a contar com 2 GB de espaço para guardar mensagens, o mesmo
que atualmente é oferecido os usuários do Hotmail Plus, serviço pago,
que passarão a contar com o dobro desta quantidade.

No final deste mês, a Microsoft vai lançar um software gratuito que fará uma ponte entre o Windows Live Hotmail e o Outlook, recurso que antes era cobrado pela companhia.

Com o Microsoft Office Outlook Connector for MSN, os usuários do serviço online poderão acessar sua conta a partir do Outlook, com sincronização de e-mail, contatos e pastas gratuita. No futuro, a Microsoft deve lançar uma versão de cliente para desktop do Windows Live Hotmail chamada Windows Live Mail.

Entre as atualizações de segurança, estão uma “barra de segurança” que indica se a mensagem vem de um emissor conhecido, desconhecido ou potencialmente fraudulento. A proteção contra spam também foi ampliada na nova versão. Os recursos de segurança são providos pela TrendMicro.

O Windows Live Hotmail também tem uma versão móvel, com mais de 280 milhões de usuários que acessam o serviço por meio do celular e outros dispositivos móveis. No Brasil, a Oi e a Vivo já oferecem acesso a partir do menu de serviços WAP.

*Juan Carlos Perez é editor do IDG News Service, em Miami.

Tags

Junte-se a nós e receba nossas melhores histórias de tecnologia. Newsletter por e-mail Newsletter por e-mail