Home > Notícias

Criminosos roubam dados de 22 mil estudantes dos EUA

Informações críticas como número do seguro social de alunos atuais e antigos foram roubadas da Universidade de Missouri

Por Gregg Keizer, para o Computerworld*

10/05/2007 às 15h13

Foto:

Informações críticas como número do seguro social de alunos atuais e antigos foram roubadas da Universidade de Missouri

A Universidade de Missouri confirmou o roubo de informações críticas de 22,3 mil pessoas, entre estudantes, funcionários, professores e ex-alunos.

Foi a segunda invasão que a instituição sofreu apenas neste ano. Em fevereiro, a mesma faculdade divulgou ter sido vítima de um ataque que expôs dados de mais de 1,2 mil pesquisadores.

De acordo com dados da universidade, o ataque foi originado de IPs na China e Austrália, registrando os pedidos de help desk da instituição pela internet. Os criminosos digitais buscavam os nomes completos e os números do seguro social.

A equipe de TI notou uma atividade incomum começando às 5h30 da manhã na última quinta-feira (03/05), o que levou a uma série de erros de query no dia seguinte.

Os registros apontam que o ataque terminou por volta das 9h30 da manhã da sexta-feira. Neste dia, os técnicos desabilitaram uma conta usada para acessar o banco de dados com IPs oriundos da China e da Austrália. O FBI foi alertado na segunda.

Um site e um telefone gratuito foram disponibilizados pela universidade para atender os estudantes, afirma a universidade.

*Gregg Keiser é repórter do Computerworld, em Framingham.

Tags

Junte-se a nós e receba nossas melhores histórias de tecnologia. Newsletter por e-mail Newsletter por e-mail