Home > Notícias

Versão beta do novo sistema operacional da Apple vaza na rede

Menos de dez dias após o lançamento da Apple para desenvolvedores, versão beta "9A466" do Leopard aparece no PirateBay

Por Gregg Keizer para o IDG Now!*

22/06/2007 às 10h42

Foto:

Menos de dez dias após o lançamento da Apple para desenvolvedores, versão beta "9A466" do Leopard aparece no PirateBay

A versão beta do Leopard, novo sistema operacional Mac OS X 10.5, da Apple, já está a solta na internet.

Menos de dez dias após o anúncio para desenvolvedores durante a Worldwide Developers Conference (WWDC), em São Francisco (EUA), o Leopard vem sendo baixado por usuários do site de torrent sueco PirateBay.

No dia 11 de junho, Steve Jobs, Chief Executive Officer (CEO) da Apple passou a maior parte dos 90 minutos de sua apresentação detalhando o Leopard, cujo lançamento ocorre somente em outubro. Dias depois, a versão beta "9A466" do novo Mac OS X apareceu no PirateBay.

Na tarde de quarta-feira (20/06) somente quatro 'seeders' (usuários com cópias completas do software) estavam disponíveis para o download do Leopard no PirateBay, que contava com 181 'leechers' (computadores que continham downloads de partes do sistema operacional). Na tarde de hoje, o número subiu para 44 'seeders' e mais de 1.500 'leechers'.

Ainda ontem, o beta do Mac OS X 10.5 foi parar na rede Oink, restrita a usuários convidados, informou o blog de tecnologia CrunchGear. No entanto, quando o post expôs a informação, o Oink retirou o beta da rede gerando revolta entre os downloaders.

Segundo a listagem do PirateBay, o "Leopard 9A466 beta" pesa mais de 6 Gigabytes. A informação fez com que outro usuário do torrent, identificado como "konelli", questionasse a veracidade da cópia já que, segundo o site da Apple, o novo sistema operacional teria 6,94GB.

A Apple ainda não se pronunciou a respeito do vazamento da versão beta do Leopard. Da última vez que uma versão em desenvolvimento do Mac OS X caiu no BitTorrent, a empresa de Jobs chamou seus advogados.

Em dezembro de 2004, a Apple processou três pessoas, bem como outras 25 identificadas como "Does" pela distribuição de uma prévia do Tiger, o Mac OS X 10.4, para desenolvedores.

*Gregg Keizer é editor do Computerworld, em Framingham

Tags

Junte-se a nós e receba nossas melhores histórias de tecnologia. Newsletter por e-mail Newsletter por e-mail