Home > Notícias

Como será a próxima versão do sistema operacional Windows?

Mesmo com poucas informações, os analistas começam a especular sobre software, cujo codinome interno na Microsoft é Windows 7

Por Elizabeth Montalbano, para o IDG Now!*

24/07/2007 às 17h41

Foto:

Mesmo com poucas informações, os analistas começam a especular sobre software, cujo codinome interno na Microsoft é Windows 7

Todos estão ouvindo que a Microsoft planeja lançar a próxima versão para desktop do Windows, batizada de Windows 7 internamente, em 2010. Mas a companhia não está deixando claro quais as novas funções do novo sistema operacional, abrindo espaço para que analistas especializados especulem sobre as características do software.

Alguns analistas dizem que, a esta altura, os engenheiros e executivos da empresa sequer sabem como o Windows 7 será. “Não podemos esperar muitos detalhes a três anos do lançamento”, declarou o analista do Gartner, Michael Silver.

Uma vez que muitos usuários estão atualizando para o Windows Vista, a Microsoft não quer especular sobre os novos recursos do próximo sistema operacional para desktop, declarou o analista da Directions on Microsoft, Michael Cherry. "Nós ainda nem sabemos os recursos do que acabamos de comprar", disse ele, rindo.

Dito isto, Cherry espera menos atributos que lembrem o recurso de codificação Bitlocker, do Windows Vista, que dificulta a navegação do usuário.

O vice-presidente corporativo da divisão de núcleo de sistemas operacionais, Ben Fathi, deu pistas de como poderia ser o Windows 7, na RSA Conference, que ocorreu em fevereiro deste ano, em São Francisco, nos Estados Unidos.

Ele declarou que “peças fundamentais para capacitar tecnologias”, como um hypervisor ou uma mudança drástica na interface do usuário poderiam ser as novidades do sistema operacional.

Hypervisor é uma plataforma de virtualização que permite que vários sistemas operacionais rodem em um computador ao mesmo tempo.

É uma obrigação para a Microsoft colocar um hypervisor no Windows 7 porque lhe daria mais controle sobre o hardware em que o sistema operacional opera.

Fathi, na mesma ocasião, disse que a Microsoft estava no meio do processo de planejar os recursos do Windows 7 e que saberia mais nos próximos meses, o que sugere que a companhia já tem uma boa visão de como ele será, mas não quer divulgar as informações neste momento.

A busca no desktop e uma nova interface para o usuário do Vista são duas áreas que também dão espaço para expansão no Windows 7, dizem analistas.

Silver disse que, atualmente, com a freqüência de uso de telas sensíveis ao toque, como o iPhone, da Apple, e o próprio Microsoft Surface, é possível que o Windows 7 possua esta característica.

A Microsoft declarou que irá unir a busca no desktop ao Windows Server 2008 para que os usuários de desktops possam buscar não apenas por arquivos locais, mas também no servidor. Este atributo também pode constar no Windows 7.

*Elizabeth Montalbano é editora do IDG News Service em Nova York

Tags

Junte-se a nós e receba nossas melhores histórias de tecnologia. Newsletter por e-mail Newsletter por e-mail