Home > Notícias

Brasil terá 800 mil smartphones em uso até 2008, prevê Vivo

Operadora aposta no crescimento do uso dos aparelhos entre clientes domésticos para chegar ao número, quatro vezes maior que o atual

Por Daniela Moreira, repórter do IDG Now!

24/07/2007 às 15h45

Foto:

Operadora aposta no crescimento do uso dos aparelhos entre clientes domésticos para chegar ao número, quatro vezes maior que o atual

O mercado brasileiro de smartphones deve atingir 800 mil usuários até o final de 2008, segundo estimativas da Vivo, apoiadas em números do mercado. A base instalada de telefones inteligentes estaria na casa de 200 mil unidades atualmente - uma pequena fração dos 106 milhões de celulares ativos no País - e deve chegar a 300 mil usuários até o final do ano, segundo Paulo César Teixeira, vice-presidente executivo de operações da empresa.

Para alcançar o número, a companhia aposta em uma expansão dos smartphones entre os usuários domésticos, após um período em que os aparelhos estiveram mais restritos ao uso corporativo. “Em mercados maduros, como a Europa Ocidental, a penetração chega a 18% dos usuários de telefonia celular”, aponta Teixeira.

A base instalada mundial de smartphones é de 113 milhões de unidades, segundo estimativas do Yankee citadas pela Vivo, de um total de 2 bilhões de celulares em uso no mundo.

Os serviços de push mail (sincronia de e-mail em tempo real no celular) chegam a 14 milhões de usuários globalmente, dos quais 9 milhões são clientes da Research In Motion (RIM), fabricante do BlackBerry.

“A cada trimestre, adicionamos 1 milhão de clientes à nossa base”, disse Oscar Castellano, diretor comercial da RIM para a América Latina, destacando que a região cresce a taxas muito mais aceleradas que Europa e Estados Unidos. A RIM não revela número de clientes por região.

Embora ainda não tenha planos de estabelecer um escritório no País, a companhia afirma estar comprometida com uma forte estratégia de marketing para região e destacou uma equipe de funcionários para dar suporte local à Vivo, como já oferece aos demais parceiros no Brasil - TIM, Claro e Nextel.

Tags

Junte-se a nós e receba nossas melhores histórias de tecnologia. Newsletter por e-mail Newsletter por e-mail